Fragmentos de um dialógo entre um Dono e sua submissa

Um conto erótico de Zandor
Categoria: Sadomasoquismo
Data: 26/04/2010 16:50:59
Nota 10.00

O Dono:

“ Paixão, quero que meu prazer seja teu vicio, a ponto de você pensar em mim e de satisfazer de todas as formas e maneiras possíveis e que você consiga imaginar. Quanto mais ousada você for, mais tesão eu terei, você sabe. Submeter uma mulher sempre foi uma das minhas fantasias preferidas. Mas Submissão não é para qualquer mulher. Submissão é estar aos pés de um homem é apenas para as mulheres poderosas. É entregar-se docemente, intensamente de corpo e alma. É deixar-se perder no meio da paixão de forma incondicional. É saber sorrir, sofrer e chorar. É aprender a viver, a entender, aprender a perdoar. É entregar-se sem lutar, sem reclamar, numa comunhão de corpos e corações, que pulsam, que batem num só ritmo, É fazer loucuras... Impetuosa e conscientemente, na doce entrega do corpo e da alma, sem limites, sem barreiras, sem pudores, onde tudo é permitido, lindo, suave, quando dor e prazer se encontram. E o amor explode com toda sua força e volúpia.

A submissa:

“ Estou imensamente feliz hoje por ter encontrado de forma quase mágica uma pessoa maravilhosa na minha vida, onde vejo tantas afinidades e que está me ensinando a ser sua submissa. Parece fato mesmo que a vida adora fazer surpresas, se eu estivesse procurando um Dono certamente eu não acharia.

Mas ele veio como um presente, me chamou a atenção, me encantou e a cada dia estamos mais ligados e construindo uma relação com muito respeito e tesão. A este homem, eu quero pertencer. Pertencer é algo forte. É ser de alguém, mas também por minha vontade. Pertencer, me completa, me faz melhor. Pertencer me liberta, dá asas ao meu ser. Por isso estou gostando de pertencer. Gostando de compartilhar, amar de forma completa, me entregar toda sem receios nem ressalvas. Conhecê-lo trouxe inúmeras descobertas e satisfações. Um modo de ver e sentir a vida de forma intensa que aprecio. Amo poder me entregar toda, sem pensar nas conseqüências. Amo poder me dedicar com tudo que posso, por escrito ou com minha presença. Amo pertencer e me orgulhar disso, amo honrar sua coleira que carrego e ostentá-la, mas não para me exibir e sim ser agradecida por isso. Amo estar aos pés de um homem forte, decidido. Amo ser conduzida, cuidada, ensinada, amparada. Amo ser objeto de uso e desejo, uma fêmea sempre no cio e disponível. Amo o tilintar da coleira sendo posta em meu pescoço. Amo o som dos açoites, de meus gritos e choro. Amo o sorriso de meu Dono satisfeito no final.”

O Dono:

“ Você, Paixão, mulher altiva, de quatro aos pés meus pés, mostrando-se feliz

Minha cadela, vadia, puta, fêmea completa, aprendiz

Sabe que momentos como esses marcam para sempre e possuem significados intensos e infinitos, pois ficarão marcados para sempre em nossas memórias

Talvez você tenha encontrado na submissão o que faltava para você ser a fêmea mulher que sempre existiu dentro de você. Poder fazer de tudo e ser cada vez mais feliz. Você gosta de ser usada, você gosta de obedecer. Gosta de ser minha escrava. Ser escrava é relativamente fácil. Obedecer é fácil também. Mas isto não teria nenhuma graça para mim se não fosse com você, você é especial. Não quero uma escrava simplesmente. Quero “a”escrava. Quero você numa entrega mais que perfeita., satisfazendo todos os meus desejos. Quero você , cativa e apaixonada, entregue e servil como um animal.

Sem limites ou condições. Totalmente minha. Ao meu bel prazer.

Quero você presa,amarrada, sexy,ousada,fêmea selvagem,safada, insana em seus desejos. Minha puta debochada, me agarrando, me abraçando, me beijando.”

A submissa:

“ Vem usar sua fêmea , vem se perder neste corpo

Mandar no meu prazer, vem ser o meu Dono

Adorado desde os pés. Sou escrava do Teu ser

Vem aplacar tua fome , me chamar de todos os nomes

Vem marcar o meu corpo, flagelar a minha pele

Vem, eu estou esperando Molhada e no cio

Só quero te pertencer ,faz eu participar do seu prazer

Ser seu objeto de uso pleno

E fêmea obediente aos seus pés

Usa meu cabelo como guia quando eu estiver no chão

Faça da minha dor o seu prazer

Dos meus gritos e gemidos sua sinfonia predileta

Se perca no meu cheiro de cio, de sua puta cadela

E depois deixe-me descansar sobre seu corpo

Depois da fúria de seu ser

Eu sou a sua menininha Meu dono: Eu gosto de tudo que possa me dar prazer e tesão sem fim

Quero ser possuída por trás, quero ser amarrada, violentada

Quero sentir o meu Homem dentro de mim

Pois assim eu me realizo e sinto que vale a pena

Vem me faça berrar, me faça gemer, quero berrar

Sou Uma fera entregue ao prazer, pronta para ser possuída e domada

quero me deliciar dos prazeres da carne

Sim, sou esta mulher que só um homem conhece

Sou a Cadela do jeito que ele gosta e do jeito que eu quero ser..

A minha submissão é o maior presente que eu posso te dar

A forma mais linda de uma fêmea se entregar

Este é meu presente , toda minha essência, minha feminilidade

Minha força, meu cio, meu corpo a sua disposição

Minha obediência e prazer em servir

Sou uma pedra que está sendo lapidada por ti

A sua maneira serei tudo o que desejar

Estou em suas mãos e me entrego,Confio cegamente em você, meu Dono.”

O Dono:

“ Eu sei que dentro de você mora uma mulher que só se revela quando a porta do quarto se tranca transforma-se numa mulher faminta de sexo e desejos

Que gosto de ouvir palavras indecentes, de ser chamada de puta, cachorra, cadela, vadia, ordinária. Que gosta de ser mordida, de ser arrombada, lambida, e mal tratada, mas muito bem comida . Por isto te imagino, vestida com meias 7x8, espartilhos, vendada esperando seu Dono chegar. Atenta a todos os ruídos, ao barulho de meus passos se aproximando. Você vendada, quieta na cama me aguardando. Ouve-me tirar a roupa, peça por peça.Me aproximo de ti, cheiro seu pescoço. Seu corpo se arrepia todo e dá um pulo.Sinto suas mãos a procura de meu membro.E elas descem até minha cintura. Me apertam incomodamente forte. Dou um longo gemido, me deito sobre teu corpo e te amo loucamenteMinha puta adora me seduzir, me provocar, me incitar fantasias e delírios luxuriantes . Fico feliz, pois, tenho prazer em ser agradado de todas as formas que ela quer me dar prazer”

A submissa:

“Vem,vida, mija em mim. Toma conta de mim., Sou sua. Me usa.Mexe com todos meus anjos e demônios.Marca por dentro, Marca seu território

Chama minha atenção. Me convida a continuar sua jornada

A melhorar em ser sua puta , aprender de dar novos prazeres, descobrir coisas novas. Eu posso ser o seu melhor encontro. A sua melhor descoberta

O seu melhor sexo. O seu maior amor. Faça-me sentir a dor. Marca-me com teu amor. A dor no ato de amor consiste em um prazer peculiar onde sua submissa fica excitada . Dói, porém, é prazer também. A dor é sinal de entrega, o prazer de se submeter e pertencer, ser usada deliciosamente pelo Dono; tudo isso faz a dor ser quase nada, as sensações são mais fortes do que a dor física em si. A dor é um prazer a mais, tão maravilhoso quanto um orgasmo.”

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
29/04/2010 19:19:02
Bom demais......vc escreve muito bem, adoro os seus relatos. Concordo com a loiramadura, deliciosamente excitante.
26/04/2010 20:12:11
Deliciosamente excitante......parabéns! Beijão

Online porn video at mobile phone


contos eróticos de loirinha dp interracialtabu em familia pai e filha se amando loucamente incesto panterasminha tia viu meu pau eretoroladanucuConto tenho prazer em ser bundeirarapais xupano a gala do outro rapaiscontos esposa do pintorPorno doido hosexualimoContos eroticos anal de ipatinga mgporno a moleirona esposa buceta escorrendo camisinha estoura cabine erotica corno narraeu e meu irmao fomos brincar de medico pornodoidocontos eróticos eu e papai pelados em casatravesti virgem falando que ele colocou tudoporno gabsinhaeu e minha mae praticamos zoofilia com nosso cachorrotia delícia delícia delícia gostosa demais muito gostosa pegou o sobrinho na chácara e meteu gostoso e gozou gozou gostosoContos.shortinho.curto.enlouquece.filhofiume porno minha cunhada e crenti eqe traza comigoSo grafida sendo encochada no trem xvideo comxvidio mulhe casada fudeno de manha domigovideos de padrasto manda enteado provar cueca boxxvideos entegado de moves bem cabesudo pauConto erotico esposa foi n massagostainsesto com vovozinhas no porbodoidocontos uma delicia de vizinha 8aninhoshttp: // venus. workupload. com/ image/Siu76V3Uconto gay contei pra ele que queria dar pra eleconto erótico os pedreiros da obra me estouraram bem novinhafudendo no maranaoZoofilia franco e belinhaAonde tu não me debruço no tapete XVídeosxvideos filha fas carrinho no pae que nao resisti e trasa com elaporno fui deitarmais minhamadrastacontos eroticos de nois dois enrrabadoscontos de fada.dava a bucetinha quando tinha entre 6 e 7anis de idadeCasa dos contos eroticos aula particularmulhe.michando.eigual.homem.que.tem.um.grelao.que.prece.uma.rola.que.ela.bati.punheta.igual.homem.e.goza.espurrando.porra.fota.xvideo porno filme erotico de traisao esposa infiel traino com melho amigoxxvideosnovinha aprendendo achuparconto erotico passei a menina de calcinhavideos porno velhor comedor da cabeça do pau rombudavideo de cigano cacetudo fudendo outro homemsete formas de medocasada aquenta a pica do negao que parece um jumento e corno asistefreira da a buceta pra pintudo no azilo contos.Contos eroticos na casa da minha amigaamassos eroticos na aguaestupro esposa contos eroticosvideo porno pega secretaria bricando ca xoxota na livrariaxvideos meu amigo desepiconou a mae dele e eu fui consolalaContos eroticos.Sou casada provoquei um velho cacetudomulheres de traficantes pegando poradamorna jemendo goistozo no pal xv pornotia acorda sobrinho e recebi gozo na bocaconto erotico gay colega de quartoMulher cagando na calsinhavideo pornovelho de pau cabeçudo come novinho virgem com kygritei quando ele botou na minha bucetavizinha Ritinha gemendo bem alto na minha varaXvideo contos eroticos peidando de prazerrapidinha. crentinha. garotinha. dando. escondida. crente. menina. dando. internedfilmes de sexo so conegona gorda da buceta inchada e cabiludaconto erotico advogado apaixonantemeninos na lagoa conto eróticos. VelhopintudocontosVelhoPintudocontoscontos eroticos meu amigo daniel comeu minha mulherO jostin biber.diz que.si cemti somulher novinha fode Geraldinhocomi ocu da minha vo contosnovinha.peitudinha.d.sutaoconto gay ele se revoltou e tomou todascontos eroticos professoraXVídeos pai magrelo lavando o pênis filha observa muito tesãoconto erotico estuprei minha esposa obriga nossa empregada a fazer sexo comigoContos e relatos incesto 12anod minha vó me ensinou a gostar de cu e buceta pirocudiconto erotico gay negao pirocudo gosta de maltratar viado brancoas panteras filmes porno a cordano minha tianegao picudo estrupou novinha nao aguentouxvideo.comvídeo de mundobicha dehomens vestido de saiasgloryhole sr ele elacasa dos contos eroticos com sobrinhos chupador de bucetaprofesor gozano dentro da buceta da japonesa alunaconto erótico scatflagras escolas picantecontoerotico eu namorada mae e tiocontos de sexo depilando a sograXnxx grisalhos negros pau de cavalo arregassando buceta das loirasconto incesto minha irmãzinha adolecente andando encasa com essa roupinha nao da para resisticontos eroticoscu virgemxvideos filha sevigado da sua maebundinha redondinha do viadinho.contos eroticosvideo garotinha calvolgandoxxxvido namorada si a sutar com tamanho d pau d namoradobiombo banheiro xupa casada videovadia casada dano d quatro q bagunca todo cabelo safada xvideosasmorena dsbuceta imjadasexo soumenti com corno chupando porra de macho na buceta da esposa