Meu filho, meu dono - parte 1

Um conto erótico de Maduro SUB
Categoria: Sadomasoquismo
Data: 08/12/2011 11:25:17
Nota 8.80

Olá galera, começarei a partir de agora narrar a minha relação com meu filho. Quero compartilhar como voces por que é algo que me excita muito.

Tenho 52 anos,militar, 1.88 altura, 90 kg, moreno, bem bombado e aparento uns 45 anos. Essa historia começou em 2009, eu tinha 49 anos na epoca. Me separei em 2005 e como minha ex-esposa teve que viajar a trabalho para o exterior fiquei com a guarda do meu filho. Atulamente ele tem 19 anos, 1.75, 58 kg é bem magrinho e honestamente tem tendencia de efeminado. E isso me irritava muito, muito mesmo. Os meus amigos sempre comentavam que eu deveria ser mais rigido com ele, colocar moral. Eu era completamente bruto com os recrutas, todos me obedeciam e tinham muito medo de mim, ate mesmo os meus amigos tinham medo.Sempre fui mandao e me sentia bem em mandar nos outros. Quando saia com meus amigos, todos militares também, sempre ordenavaque fizessem algo, que pegasse um cerveja pra mim, ou coisas do tipo.

Certa vez, passei em frente a um barzinho aqui do lado, um homem com aparencia de uns 44 anos, chingou-me de corno e que corno tem mesmo que ter filho viado. Aquilo me encheu de odio, não sei o que deu em mim,em outra situação voltaria e acabaria com a raça daquele cara de imedianto. Mas me contive e fui pra casa, porém o odio continuava. Quando cheguei em casa, meu filho estava no quarto e falei com ele se conhecia o tal cara ( informei todas as caracteristicas), e ele prontamente respondeu que ele tambem o tinha chingado: de filho viado tem mesmo que ter pai corno. Aquilo foi ao limite, me estourei mesmo.

- Quem aquele cara pensa que é? Vou mostrar a ele quem é viado! - disse estourado

Meu filho tentou me acalmar, pedindo-me que não fosse procurar briga, mas nao me contive dessa vez e fui. Tinha um plano, que era chegar devagar e acabar com a moral daquele sujeito, estava disposto a comer o cu dele e isso seria na frente do meu filho, para desmoraliza-lo mais. Contei a meu filho que ele iria assitir caladinho e que serviria tambem de lição para ele, que sempre deveria me obedecer.

Ao chegar no bar, deparei-me com o homem, ele tambem era meio bombado, um pouco menos do que eu, mas era. Percebi que pela estatura, eu o domaria facl facil. Sentei-me a mesa e puxei papo.

Eu: Opa

Ele: Olá- com ton ironico

Eu: E ai, novo aqui no bairro?

Ele: Poisé, cheguei essa semana, comprei esse bar.

Eu: gostando do bairro?

Ele: Achei legal, conheci muita gente e fama de cada um tambem

Aquilo me encheu de odio, poderia acabr com a cara dele ali, mas tinha que fazer algo melhor, acabr com sua moral.

Eu: Ah, é? Poi ja deve saber de minha fama de bom vencedor em sinuca?

Ele: Melhor que a minha?

Eu queria ir logo ao ponto, queria um lugar mais reservado para dar a lição nele. Ele deve ter estranhado, um homem sentando em sua mesa, puxando papo e chamando pra ir jogar sinuca bem rapido, aquilo so podia ser armadilha ou entao eu estarioa dando em cima. Bom, aquilo nao me interessava, quanto mais ele pensasse, melhor seria minha vingança. Desafiei a jogar uma partida de sinuca e fomos. O cara é bom mesmo, sabia todas as jogas e me surpreendi, ele ganhou. Pela primeira vez, alguem em vencia no sinuca e isso me encheu mais ainda de odio. O pior era que meu filho estava ali, e me viu perdendo, foi de primeira uma humilhação. Não deixaria assim, colocaria meu plano agora em pratica. Ao temrinar, ele me disse:

Ele: Nossa, vc é bom mesmo.. perdeu!

Eu: Voce nao conhece bem a fama dos moradores desse bairro, viu? Sabia que sou militar?

Ele: Soube, soube tambem que era corno, que sua mulher antes de se separar ja deu a quase todos os machos desses bairro e que seu filho tambem esta seguindo o exemplo dela.

Quem ele pensava que era? Não tinha noção do perigo não? Mostraria a ele quem tinha palavra maior ali, eu era bem maior que ele, porque nao tinha medo?

Eu: Vou te mostrar aqui quem da o cu! - Dei um empurrão nele.. meu filho logo se pos a olhar a cena.

Ele nao caiu no empurrão , não entendi como proque tinha sido com muita força. Ele deu um sorriso ironico e me empurrou em seguida. Foi com muita força que nao me segurei e esbarrei de costas na parede e cai sentado no chão. Em instantes me fugi a consciencia, como aquilo tinha acontecido? Olhei pro meu filho e ele me olhava incredulo, sem acreditar no que tinha acontecido. Me levantei meio tonto, e o cara continuava em pé olhando pra mim.. avancei em cima dele, e mais rapido do que eu, ele pegou em minha cabeça com uma pratica que nao entendi como. Me rodou e cai de joelho aos seus pés escorado a mesa do sinuca. Novamente fiquei tonto e antes de voltar a mim, ele me chutou forte e cai no chão. Me senti humilhado em frente ao meu filho.Como aquilo poderia acontecer? O cara continuava me chutar.

Em instante tentei me levantar, ja sem forçar e fui surpreendido com um pau enorme apontado para mim. Ele me puxou proximo a parede e enfiou com força aquele pau em minha boca. Eu tinha força, mas a força daquele cara´era descomunal.Tentava reagir, mas sempre era surpreendido com uma bofetada. Ele me levantava , me jogava no chão com força, me jogava na parede, me batia. Me senti um lixo, e era estranho porque nunca ninguem teve essa coragem. Em pouco tempo, estavamos nus, e eu pelado era jogado de um lado para ou outro. Ele me chingava, dizia que eu nao era corno, eu era mesmo viado. Me colocava sempre para chupar seu pau, e intercalav me batendo, me jogando na parede no chão. Era tuso surrela para mim, nao me dava tempo pensar, nem sequer tentar usar a força. Não tinha mais o que fazer, estava decidido: Eu seria um objeto.

ele ria, mandava meu filho ver como o pai dele era uma putinha. Me jogou com com força no chão e cai de 4, não teve nem tempo de tentar sair, e ele veio, chegou perto e caiu de boca no meu cu. Eu nao tinha mais forças de reagir, tive que deixar e por mais incrivel que parecça, acabei me excitando com as liguadas dele. Tentei pensar, mas ano conseguia, so conseguia sentir. Olhei meu filho e ele observava atento a cena, decepcionado e ao mesmo tempo excitado. Me senti e humilhado e caiu a ficha: eu estava sendo uma putinha. Me levantei rapido e fiquei em pé, em frente ao cara, ele se aborreceu e me veio com uma bofetada grande na cara, cai no chao quase desfalecido.Me colcou de 4 e meteu rola, doeu muito, muito mesmo. Gritei, mas ele abafava o grito, com uma cueca enfiada em minha boca. Em pouco tempo eu estav gemendo. Me comeu de 4, frango assado, em quase todas as posiçoes. Eu não podia fazer nada, ele eramais forte do que eu, o pior, eu estav excitado. Ele gozou forte no meu cu e caiu desfalecido. olhei meu filho que continuava atento a cena. O cara se levantou me bateu forte na cara e disse que eu fui uma boa puta.

- Voce viu quem manda aaqui? Vão embora, e se voltar aqui sera comido de novo.

Me levantei humilhado, arregaçado, sem moral..ele me fez vestir so a calça e sair pelo bar so de calça com a cueca e a camisa na mão. Estava fedendo a esperma de macho. Antes de sair na salinha de sinuca, ele me chamou e bateu forte em inha cara e me surpreendi, ele me deu um beijo forte de lingua. Meu filho estava com muita vergonha de mim, nao me olhava no rosto. Saimos eu e meu filho pelo bar, tinha pouca gente, ainda bem e todos desconhecidos. Mas a humilhação foi grande, sair suado, sem camisa, com cueca na mao. Alguns deram risadas se enteder. Cheguei em casa com meu filho, e sentamos na sala para assistir tv. Ninguem falava nada, eu estava com muita vergonha, ele me olhava firme nos olhos e as vezes baixava a cabeça. Meu cu doia muito e mal conseguia andar. Fui para o meu quarto, tomei um banho e me deitei usando apenas uma cueca boxe. Deitei de bunda pra cima pq duia muito o buraquinho do meu cu, agora deflorado. Derrepente, a porta do meu quarto abre, era meu filho....

CONTINUA

Obs: Ai galera, quem tiver gostado desse conto manda comentario parao meu e-mail, poderei responder e se quiserem continuo narrando essa historia.

e-mail: [email protected]

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
30/03/2014 18:51:44
vc é o Junior Dias de Caico?
30/03/2014 18:51:22
Vc é o Jr Dias de Caico?
09/10/2012 19:49:56
DE TODOS OS VÁRIO CONTOS QUE LI, O SEU FOI O ÚNICO QUE VERDADEIRAMENTE ME CHAMOU A ATENÇÃO, AINDA ESPERO A CONTINUAÇÃO.
16/12/2011 01:08:22
Perfeito. Espero a continuação
09/12/2011 04:15:29
Perfeito, fantástica a leitura, aguardando ansiosamente a continuação.
08/12/2011 15:43:29
FANTÁSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSTICO!!!!!!!!!!!!! CONTINUA LOGO.......

Online porn video at mobile phone


contos ela falo chicao nunca dei o cu pra pau grossoprica cavalaperdendo as prega saindo bosta caseiroflagra mulheres espiam homens pelados e se masturba até gozar de esguicharxvideos clube das mulheres subindodo escadapornodoido sou menininhas inocentes virgem mas faco analirmagostozaxvideopornô doido comadre entre pica grande negãoConto.erótico cunhada junteiMinha esposa centou no colo de outro cera que eu sou corno manssoContos eróticos de incesto com fotos de mulheres peluda e comadresconto erotico huntergirls71contos eroticos ganhei um boquete no pokervelhas festejando c negros cacetudosminha sogra um pecado de mulher contospauzudo fode bucetamenorDanielzinho e se mordendo toda de tesão XVídeogorda bbw chifrandolinda loirinha chorando no pau do cara e gemendo muito querendo mudar fundo maluquinhaxoxotinhas amasiadas na picaquero o'zap de um sugador de bucetavideos de sexo lesbicas brasileiras gemendo alto " ela passou a lingua no meu cu "xvideo levei meu primo no beco e nós transamosmulheres de corno manso sem o biquininhovídeo de pornô de alunas transando tirando a virgindade 2012/12Xisvidio as pantera ingenuaFotos d cazada sendo fodida p roludonao tinha dinheiro eacaba dando pro montador xvideoconto erotico gay negao dominador gosta de maltratar viado brancoconto erotico transado com costureira bucetao inchadaresolvi trair meu marido mas me arrependi o negro tinha o pau muito grande e não aguenteixvideos buceta de menininha sem penugem bem novinha desprovida de peloxv con novinnas na escolasvelhas festejando c negros cacetudosb****** assaltou a casa e meteu a mão na boca da Neide da novinha e fez a transar com ele a força vídeo pornôporno medico da nestesia pra mulher e ela dorm e ele faz oqie qyiser com elaContos erotico madrasta de biquini sem raspar o bucetao e o enteado hiper dotado fica doidoporque pau grande da mais prazer a mulherdois gatoto tarado xvidioincesto gay papai me fez de putinhasubino arvore conto gayas boyzinha brasileira no chat se masturbando XVídeos completoContos eroticos sexo a 3 no acampamentofilme pornô de 18 anos dando a buceta com pau grande e grosso chega batendo no YouTube regaçoeu conto sou casada brincando com meu cunhado e ele me passou a varacabine erótica pornordoidoverbater punhetas e esporrar mais que uma vez seguidasvidros prno insetos fodendo mae emprensada coroas do sapsapxvideo nigro xxxvvnai ta machucando meu utero caralho vai devagaxvideo gozeiiiiiiii amo que deliciacontos eroticos peguei a maninha novinha loirinha dormindo de bruço fiz anal com alaconto erotico entiada se pasando por dificil mas pegando fogochulezinho da amiga - contos podolatraspirocas grossas veiudas babando fotoscache:O6GiaR9Gb0sJ:zdorovsreda.ru/texto/20180120porno vui da naxana vui cu ala ficou bravahttp://mefaz gz gostosoContos eroticos garotinha curiosaespozinha fica bricando com amigo do marido e leva no buceta pica peta gigante e gene de dorcontos eroticos madrasta cachorra leva surra de pica dencostei meu pau na bunda da minha irma ela ficou brava xvideocontos eroticos engravidei minha noratitio comendo osobrio nosofa vidio gayquando o pau do cara entrou em mim eu quase demaiei de tanta tesão meu msrido tambem vidiocontos eroticos minha tia mim arrumou para que meu tio tirasse o meu cabacinhoconto gay ensinando cafucuwww.casadoscontos-O doce nas suas veias (Capitulo 02)cartigou sua neta amarrou ela e deu tapas na bunda pornoboafodasanguecunhada morena cabelos enrrolado arretada contos eróticos salvando as aparênciasvídeo de pornô com cinquentona e cetonamtk contos eroticos coisas do destino capitulo 1contos erotico de zoofilia mulher estrupada por boiscontos neta da minha vizinhaContos me assustei com a quantidade de porra que meu padrasto despejou no cu da minha mãemulhers com roupas detigrinhasgosadasvideosxxx minha esposa comportada servindo es amigoscervepono.comomeu conhado me estrupouputas gostosa sexo filho come mãeescondoconto erotico huntergirls71roludas veudas xvideoconto erotico com marido velho coroa grisalhominha irmã não resistiu ver o meu pau duro e sentou nele com foeça videi porno incestoprimeiro menage femininofazendo sexo com gravidas enquanto elas dormian pornodoidoAliviando os funcionarios contos eróticosmulher gosando de mas qe xega espirra lange.comdando uma Coçadinha na língua do negão safado cachorrãoconto erotico estuprada no terreno baldioCriola virgem da o cu com medo pro tioquero ve comto erotico de mulher qui foi estrupada bem novinha ainda bebe virgem do beusopeitinhu durinho pornocontos apalpando sogra perto do sogroconto gay virei a puta de varios machos na saunaMamae sentando no meu colo. Contos eroticos cnn.contos eróticos meu maridoviado corno na zoofilia