Minha baianinha danadinha

Um conto erótico de anjo azul
Categoria: Heterossexual
Data: 09/07/2014 09:36:08
Nota 10.00

Tudo começou na Casa dos Contos... Quando publiquei meu primeiro conto na CDC, um dos comentários sobre ele me surpreendeu:

"Ameiii fiquei também com minha calcinha toda babada rsrs se quiser ela (calcinha ) entre em contato comigo..." Fiquei surpreso e excitado com o comentário, que era de uma usuária com o apelido de Star.

Imediatamente, anotei o e-mail dela e mandei uma mensagem, pois essa garota mecheu com meu ponto fraco, pois sou tarado por calcinha de mulher, e a possibilidade de cheirar uma me deixou com muito tesão! Trocamos os primeiros e-mails, fotos, e aos poucos fomos nos conhecendo, ficando cada vez mais íntimos, eu no Paraná e ela na Bahia, mas a distância nada significa quanto se deseja uma mulher! E ela cumpriu o prometido, me enviou mesmo a sua calcinha usada pelo correio! Tudo isso é claro, depois de eu cumprir o trato com ela: fazer ela gozar por telefone, e foi o que eu fiz! Assim que recebi meu presentinho, fiquei encantado! Nossa, que calcinha linda, vermelhinha, pequenininha, e o melhor: com um cheirinho delicioso, dava pra ver que a safada tinha mesmo gozado nela! Fiquei doido e imediatamente cheirei, confirmando o aroma delicioso dela, fui cheirando gostoso até que bati uma punheta pra lá de caprichada, gozando sentindo o cheiro dela! Uma só não né, várias. Não deu outra, fiquei com muita vontade de provar ao natural, e assim consegui dar um jeito de ir ao encontro dela, estava ansioso por ver minha musa que tanto me inspirava... Uma oportunidade como essa não aparece duas vezes, e eu sabia que se não aproveitasse agora, perderia a chance para sempre. Estava até nervoso, mas quando vi ela me esperando toda sorridente, ela era exatamente como eu imaginava: moreninha, cabelos enrolados e compridos, magra, porém bem gostosinha com um corpinho de dar água na boca, seios pequenos durinhos, pouco menos de 1,60 de altura, ela estava de sainha curta mostrando suas coxas deliciosas, com uma blusinha de alcinha e sandalinha de salto, pronto! Meu cacete já deu sinal de vida, ficando duro com vontade dela. Ao me aproximar, já fomos nos abraçando e nos beijando ali na rua mesmo, sem cerimônias. E que boca ela tinha, como beijava gostoso nossa! Essa baianinha retada tinha desejo no olhar! Nossos lábios colados, nossas bocas unidas, num beijo muito louco! As línguas travando um duelo, uma tentando emvolver a outra, um beijo gostoso, molhado, safado, que delícia os beijos dela! Parecíamos um csal de namorados apaixonados, e as pessoas devem ter pensado isso mesmo... e, num certo sentido, era a pura verdade. Resolvemos sair dali e ir pra um lugar mais discreto, pois daqui a pouco íamos acabar transando ali mesmo tal era nossa vontade rsrsrs! Ela me levou pra sua casa, e assim que entramos, já fui agarrando ela por trás, esfregando o cacete duro na sua bundinha gostosa, sentindo ela dar uma gemidinha, já peguei ela no colo e perguntei:

- Onde é o quarto kerida?

Ela surpreendeu-se com minha atitude, dizendo que ninguém tinha feito isso com ela de pegar no colo, de ir direto ao assunto e, toda faceira, foi me indicando o caminho. Entramos no quarto dela, coloquei ela suavemente na cama, já parti pra cima dela, beijando, dando um xero no pescoço dela, puxando sua blusinha pra cima deixando seus seios à mostra, se oferecendo à minha boca gulosa... fui direto beijando, chupando, lambendo os biquinhos durinhos, agarrei seu seio direito com uma mão, e comecei a apertar, massagear, enquanto literalmente engolia o outro seio, tentanto chupar o maximo que conseguia, enfiando na boca! Fui lambendo o biquinho durinho, sentindo ela ficar toda arrepiada! Eu estava mamando nela! Abria minha boca ao máximo, tentando abocanhar todo seu seio, chupando, sugando, como se estivesse faminto. Rapidamente fui descendo com a minha boca, beijando sua barriguinha lisa, lambendo seu umbigo, passando a língua em volta dele, fazendo ela sorrir, sentindo cócegas... Continuei beijando, lambendo, descendo, até chegar nas coxas dela, aí sua sainha já tinha subido mesmo, só puxei ela pra cima, me deparei com a sua calcinha vermelha, de rendinha, que linda! Comecei a lamber suas coxas, beijando na virilha, cheguei bem perto, respirando apressadamente, e dei um xero na buceta dela por cima da calcinha, nossa que maravilha!!!! Que cheiro delicioso! Dava pra ver que ela já estava molhadinha, com desejo, com tesão, com vontade de mim! Ela queria minha boca, minha língua, queria que eu devorasse ela!!! Seu desejo é uma ordem, meu amor!!!! Passei a língua por cima da calcinha, lambendo ela toda, de baixo pra cima, afundei a língua na calcinha sentindo ela babar e se molhar cada vez mais, ficando úmida, enquanto minha gatinha baianinha gemia baixinho, com os olhinhos fechados, para fruir intensamente akele momento sublime!!!! Continuei lambendo, cheirando, beijando, até que não aguentei mais e afastei a calcinha pro lado, caindo de boca na sua grutinha dos prazeres! comecei a lamber devagar, lambi ela toda, de cima a baixo, lambia de ladinho, em volta dos grandes lábios, comecei a sugar os pequenos lábios de sua bucetinha gostosa, saborosa! Seria difícil dizer quem estava sentindo mais prazer, eu ou ela, pois ela estava totalmente molhadinha, melada mesmo, enquanto meu caralho estava tão duro que encostava na minha barriga! Continuei chupando ela gostosamente, agora eu ia enfiando minha língua toda na sua buceta, sugando e chupando alucinadamente! Ela gemia, gritava, agarrou meus cabelos, puxando mais e mais de encontro à buceta molhada, gemento alto, eu chupando, sugando, quase sentindo sufocar naquela buceta maravilhosa, a mais gostosa que eu já vi, senti, chupei! Fui lambendo mais acima, no seu clitóris, seu botãozinho do prazer! Que gostoso fazer uma gata gemer, rebolar, na boca! Somente quem já chupou uma gatinha sabe do que eu to falando! Eu chupava ela como se fosse a buceta mais gostosa do mundo, estava devorando ela literalmente! Ela gemendo, eu chupando, sugando, passando a língua embaixo, em cima, em volta dela, molhando ainda mais com minha saliva, até que minha gatinha linda começou a gemer mais alto, mais forte, e a esfregar sua buceta molhada na minha boca, na minha cara, eu senti que ela ia gozar logo, intensifiquei a chupada, lambendo freneticamente, dava um chupão gostoso nela! Abri bem minha boca para sugar ela toda e acelerei os movimentos da língua, até que ela começou a gozar, e gozara muito!!! Quase sufocando, puxando meus cabelos de encontro à sua xoxota gostosa, deliciosa de chupar! Enfim ela gozou, gozou lentamente, demoradamente, na minha boca! Se estremecendo toda, dando choquinho, ficando em êxtase! Chupei todo o melzinho dela, ela apertou meu pescoço com suas coxas, me prendendo ali.... Parecia que não queria mais que eu saísse, e eu claro, queria ficar para sempre chupando essa deusa do sexo que me deixar alucinado por ela..... Ela respirou profundamente, pausadamente, completamente relaxada, os olhinhos fechados, um sorrizo de satisfação no rostinho mimoso. Nem precisei usar a frase tradicional "sua vez..." pois ela já foi me puxando para um beijo, nossas bocas coladinhas, ela sentindo ainda seu próprio gosto na minha boca. Já foi me empurrando pro lado e montou em cima de mim, ainda me beijando, começou a chupar meu pescoço, mordendo minha orelha, descendo até meus mamilos e foi chupando eles, dando mordidinhas leves me fazendo gemer com uma dorzinha leve mas com muito prazer. Rapidamente chegou no meu cacete super duro, elogiou o tamanho, principalmente, segundo ela, meu capricho, pois eu me depilo em volta e também nas bolas, lisinhas. Deu um beijinho suave na cabeça do caralho, uma chupadinha de leve, desceu com a boca e sugou as bolas, primeiro uma depois a outra, até engolir ele até o talo, chupando lentamente, que boca ela tinha nossa! Foi aumentando o ritmo da chupada, e a danada conseguia engolir todos os meus 17cm! E olha que poucas mulheres conseguem isso! Mulheres, fica a dica: aprendam a engolir ele todo, nós homens adoramos e agradecemos viu? Afinal de contas, quando nós chupamos a boceta de vocês, nós adoramos enfiar a língua toda lá dentro para sorver seu líquido quentinho e delicioso! Minha gatinha ali continuava me chupando, eu ali sentindo o prazer máximo em pouco tempo comecei a sentir os espasmos do gozo se aproximando, nem falei nada, nem avisei ela (hehe!) e já soltei o primeiro jato, direto na garganta dela! Ela meio que se surpreendeu com akilo, mas continuou chupando, e fui gozando na boca dela, vários jatos de porra seguidos, ela com a boca colada no karalho, engoliu tudinho até a última gota, eu ali gemendo, totalmente nas mãos (e na boca) dela! Gozei deliciosamente, foi um orgasmo longo, profundo, prolongado, por uma boca alucinante que sabia o que fazia. Que chupada deliciosa essa mulher me deu, uau! Delícia! Enfim, ambos tínhamos gozado, mas claro ainda queríamos mais, levantei-me e dessa vez foi ela que veio me beijar com gosto de gôzo na boca, como era meu mesmo tudo bem. Já foi se ajeitando e ficando de 4 na posição favorita de 11 entre 10 pessoas hehe! Pegou a camisinha que estava na gaveta da mesinha do lado da cama, me deu e eu coloquei no membro duro, e fui direto pra entradinha da boceta dela, fui colocando devagar, pois ela era toda delicada e deliciosamente apertadinha, nossa que gostosa! Fui colocando o pau levemente, ela gemendo baixinho, de repente dei uma estocada mais forte, pra provocar mesmo, de propósito, ela deu um grito mais forte, mais agudo, eu falei:

- Isso grita mesmo sua gostosa! Quem mandou ser tão gostosa agora você vai ver!

Meti tudo direto nela, ela gemeu alto com certeza sentia um misto de dor e prazer, agarrei ela pelos seios, com o pau totalmente metido dentro dela, até o fundo, comecei o vai e vém primeiro devagar, aos poucos acelerando, ela gemendo alto e rebolando com a bundinha empinada encostada em mim, dando um prazer indescritível! Continuei comendo ela deliciosamente, firme, sem pressa, metendo tudo e tirando quase tudo, e ela ali toda entregue, gemendo e gozando no meu cacete, senti ela estremecer, vi que tinha gozado mesmo! Ah é? Então é a minha vez! Acelerei mais ainda, metendo com gosto, sabia que também já estava para gozar, pois não gosto de ficar enrolando não, ficar inventando mil e uma posições, pra lá e pra cá, que nada! Sem essa! Pra mim, uma metida completa tem que ser assim, com um encaixe perfeito, e se a posição é ideal pra gozar, pra que ficar de malabarismos? E eu sabia que desse jeito estava proporcionando o prazer máximo a ela, então continuamos nesse ritmo, até que comecei a gemer forte também, estava gozando dentro dela! Uma gozada muito gostosa, ambos na mesma sincronia, realizando nossos desejos mais profundos! Fiquei ainda assim coladinho nela, dando beijos em suas costas, ela levantou o corpo, beijei seu pescoço por trás, ela virou o rostinho pra mim e nos beijando assim, que gostoso! Tirei o pau de dentro dela, segurando pela base da camisinha que estava até pesada de tão cheia de porra! Foi mesmo uma bela gozada, aí fomos tomar uma ducha juntos pra relaxar, e voltamos novamente de mãos dadas pro nosso ninho de amor... Afinal ainda tínhamos mais fogo pra ser apagado! Deitei de costas na cama e chamei:

- Vem.

Mais do que depressa, ela pulou em cima de mim dando risadinhas e gritinhos de prazer, montou em cima de mim com suas coxas uma de cada lado de meu corpo, e deitou-se sobre mim beijando minha boca com volúpia e esfregando a xoxota no meu membro duríssimo, comecei a estocar seu baixo ventre, logo o pau se encaixou embora um pouco fora do alvo, ela pegou no mastro e direcionou ao lugar exato da entradinha da boceta, e talvez até pela nossa intimidade já conquistada, e também claro pela nossa excitação, pois a boceta estava totalmente molhada da lubrificação, ele deslizou suavemente pra dentro dela. E claro, mesmo sentindo o prazer máximo, ela demonstrava sentir um pouquinho de dor afinal, segundo ela, já estava a algum tempo sem fazer sexo, mas naquela hora, não quis nem saber, seria mesmo pra valer, com tudo! E como ela estava por cima comandando as ações, a cabeça do karalho foi abrindo caminho na xota dela, de forma sôfrega, esfomeada, causando um frisson alucinante! Ela começou a cavalgar selvagemente, gemendo, suspirando, gritando. Aguentei como pude para não gozar logo pois essa mulher era muito fogoza nossa nossa! Não queria que fosse rápido, queria prolongar ao máximo a magia do momento e ela, rebolando, fui cada vez mais rápido recebendo meu cacete dentro dela, cada centímetro daquele karalho esfomeado, com vontade de xoxota. Eu arfava, respirava rapidamente, me movimentanto também junto com ela, metendo vigorosamente o pau que a cada ida e vinda, trazia junto nossos sucos, nosso tesão, nossos desejos! E no mesmo ritmo, encaixados, cheios de tesão e ansiedade pela nossa primeira transa juntos, num determinado momento quando senti que entrou tudo, e na ponta do cacete senti que estava totalmente dentro dela, cheguei a ver estrelas! O cacete formigava, pulsando, como uma descarga elétrica mais forte, com a ponta batendo onde penis nenhum tinha chegado! Hehe! Que transa, que maravilha, estava gostoso demais! Ela se limitava a gemer a cada estocada e logo, tive um orgasmo tão arrebatador que por puro reflexo, fechei os olhos e minhas pernas começaram a tremer, sentindo ela em volta dos meus quadris me prendendo como que me puxando inteiro ainda mais pra dentro dela, e senti a sua xaninha piscando incontrolavelmente! Ela estava gozando também, quase ao mesmo tempo que eu, senti ela gritar, eu também soltei um urro de prazer! Só então comecei a falar:

- Uh, aaahhhh, gostosa, sua tezuda, vou gozar tudo dentro de você sua gostosa!

E ela respondia:

- Ah, aaaaiiiiiii, uh, seu gostozão, vai vai mete tudo dentro de mim goza vai vai que tezão, que caralho é esse, goza na minha boceta, que rola gostosa, uh, uh! Ah, vou gozar, meu, ah, gostoso, uh, vou gozar, ahhhhhh!

Toda preenchida e bem encaixada, deu para sentir os espasmos dela, e ela também deve ter sentido cada ejaculada, cada pulsação da rola dentro da xoxotinha, lavando a grutinha com a porra quente!

Tentei sair mas a vara não desencaixava, de tão grossa e inchada. Quando deitou em cima de mim, desfalecida, e o caralho foi saindo lentamente, sentí que escorreu bastante porra, menos densa desta vez, mas em quantidade. Ficamos ainda grudados, ofegantes, até que ela foi se levantando me puxando junto com ela, e fomos tomar outro banho refrescante e relaxante, ela ainda com a bocetinha pingando e a gala descendo da virilha até os pés. E foi só, pelo menos dessa vez. Ainda não tivemos outra chance claro. Mas a paixão, o tesão não terminou. Com certeza ainda irei fazer outras viagens ao Paraíso, em direção à minha Deusa do Sexo! Sei que vou voltar pros braços (e pras garras!) dela e então, juntos, vamos aprender outras coisas, novas formas de nos dar prazer mútuo. Te adoro minha doce e linda Star! Se alguém quiser comentar pode me escrever: [email protected]


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive anjo azul a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
04/10/2015 08:43:17
O que? O que? Depois do comentário da Nana no meu ultimo conto, vim ver teus relatos. Eu já tinha lido quase todos e justo esse, não tinha visto. O que? A estrela perdida me traindo com você? PQP. Ainda bem que a Nana me mandou um beijo com os lábios da A.Jolie. Me considero vingado! Rss. No serio, gostei deste, saindo da rotina e descobrindo como eu, o que a baiana tem. Abração!
07/12/2014 12:15:20
Perfeito. Baianas é td de bom.
18/07/2014 17:15:15
conto muito bom nota dez, leia meus contos, um abraço
16/07/2014 14:06:40
caracoles que conto deliosooo...
09/07/2014 14:51:38
Angel blue voltei pra te dá 10 , 1000 e bjs bjs bjs bjs
09/07/2014 14:44:04
My angel , ameiii a forma como você narrou nossa aventura gostosa... Amiga mallu esse título de embaixadora me caiu muito bem rsrs além de trazer pra Baia os autores , queria tbm umas autoras uiii bjs da Star ou estrelaperdia .
09/07/2014 13:07:01
Delicia de conto.
09/07/2014 12:43:35
Muito bom o seu conto. Muito sortudo tbm.
09/07/2014 11:43:58
cara de muita sorte vc,delicia de conto...
09/07/2014 11:08:15
Uiii delicioso .. 10

Online porn video at mobile phone


mulhes fudedo deto do karo o cuarreando a calcinha pro clacudo gozarlésbicas vê amiga no banho e agarra ēła forçaXvidecarneconto erotico nora carenti fudendo cm sogro pirocudobucetaque tenham o monte pubiano volumosocontos eróticos xingando quando era enrabadafotos decasadinhas boqueteiras do corninhoputa safada grita alto vadia geme piranha mais alto caralho vai vai grita ai vou gozar.conto erotico incestoflagra mulheres espiam homens pelados e se masturba até gozar de esguicharmulher com marido nabalada sarano outro pornoporno cara punhtado nervosoconto erótico esposa fazendo teste de fidelidade com esposauma diziam que iriam cavalgar pra dar pro seu namorado nomeio do mato sua bucetonaxvidio brasil cunhadinha foi tentando até consegircumendo tia miriam contoconto erotico sou casada e fui chantageada pelo meu patrao q me comeucontoerotico eu,namorada, minha mae e tio jorgeporno brasileiro oilando o gay brasileiro da banda lizinha tomar banhoapaixonado por dois brutamontes da faculdade 1219 anos contos gaysmomento de carinho dando mordidinhas na nuca e desce lambendo as costas até chegar no cuzinhocontos eroticos com maconheirocalcinhas casadas coroas grtando de dr no anal profundo e dptadosabaixar pornô mãezinha e Fininhoconto comi minha noraboyzinho encoxando no hetero no onibusflime porno mulher pegar homen no fraga nus furtapornovıdeos de novınhas tendo bebebumbum de menina contos eroticosconto viadinho gosta de ser fudidocasa dos contos eroticos whitechocolateConto erotico de coroa casada chupano novinho da frente do marido velho brochachamou a enfermeira pra cuidar do marido e flagrou trepadaXVídeos XVídeos vídeo novo mulher nova XVídeos chupa mulher chupando pau até gozar o negão só vídeo de mulher chupando e se engasgando e vomitando sem graçahomens jovens enfuando penis shortinho curto adidas anos 80folha da a buceta ao seu pai pra tira o seu cabacoDeixei a miha muher dar o cuzinho pra o cara estrahoconto erotico marcelo come a Elane na casa dele deliciaContos erotico de inseminação RASGANDO O CU VIRGEM DE PATROAS VIDEOS BRASILEIRASvideos eroticos da esposa vira cadela do marido eusa coleiraNegro comeu gay na roça de salvador conto eroticocontoseroticos de prima e seus primoscontos eroticos com mudinhaapaixonado pelo hetero cap 4xvedeo conto erotico a forca no onibusincesto sendo encoxada e rebolando gostoso contos pornoxvideos mulher timida abordada ma ruahomens de braços grandes e pau durotexto de prima louca querendo pau na bucetinhaver vidio defilho meteno .na mae gozano na buceta delavídeo caseiro com mamãezinha só de casa dela com os peitinho duroquero conto erotico de irma e irmao que transa e a ima caga na boca do irmao ele come a medaxcideo tianegal pau pulsando xvidiovidios caseros de mulheres levando gosada na causinhasmuleke punhetamdoxvideo.mulhe em golido gozo.comnovinha de shortinho cravado gostou da piroca cabeçuda pornopornodoidao mae ensinado entiada a fudeereçao mstutina tio boy gsycontos eroticos pau grande fculddecontos eróticos gordinho afeminadoconto erotico descobri que o marido de minha irma e honosexual acabei comendo ele e minha gostosa irmavideos porno menina cruza com cachorros ate arder a bucetinhairmãzinha enxergou a bundinha no pau do irmão gente comeu seu c****** XVídeosdez ano padastro gosa na minha bocagarotimha aprendendo bate punheta no papaiconto erótico Eu e o meu marido no bar da perdiçãowxvidio de coroasexo dormindo mesma cama mae se rendeu as caricias do filho Amamentação tetuda contosguilherme pausudowww.putariabrazilrira de pai espiando filha mai nova no banhocontos erotico,meu genro me enrrabou dormindoconto erótico mamando seios com leite da amigagoszando.dentro.da.boca.sem.tira.o.pirucasa dos contos eroticos Alê12Aliviando os funcionarios contos eróticoszoofiliacontos erótico arrombada por um gorilaordenhando roludo na frente do corno de ipanemaMinha bucetinha e inchadinha papai historia de sexofizemos sexo bi com um estranho contomeu marido me chupava enquanto outro me gosava vidiobuçetacasadaconto erotico gay vaquejada capVidio porno sondei minha visinha de causinha caserocontos eroticos de idosas mendingasSoquei fundo o consolo na mamae gostosa"caralho entalado" contonovinhas.abrir.buzentaconto erótico f****** com cunhadovídeo de Kid Bengala transando com mulher brigona XVídeoscenas de filme porno que mulher goza como nunca se viu nna vd na bc de um travistihttp://comendo a conhada virgemmundobicha homens de leggintrai com meu genro