O Lutador e o Loirinho 3

Um conto erótico de Lutador
Categoria: Homossexual
Data: 01/09/2015 21:38:37
Nota 9.92

GabsSparks: Hahahahaha se é pra sambar, vamo sambar bonito B| muito obrigado ^^

holli: Sou empata foda mesmo, ainda mais essas pederastias na minha casa u.u muito obrigado <3

prireis822: me diz o que achou da reação dele nesse capitulo kkk

lucassh: a espera acabou kkk

Kevina: muito obrigado ^^

Maluco Apaixonado2: muito obrigado, e vc não viu nem metade dessa safadeza

Matti: continuando ;)

Nick *-*: vc ainda não viu nada dessa safadeza

isabela^^: eu não contaria com isso kkk muito obrigado.

ale.blm: errado nadam pederastia na minha casa só se me envolver no meio huahuahuahua kk, ela é real sim, oush o cara já chegou me ofendendo, só me defendi. kkk

Bru_Almeida: esse safado fez foi me convidar pra participar.

rodrigopaiva: isso mesmo, valeu ^^

joca12: muito obrigado cara, continuando

S2DrickaS2: muito obrigado ^^ "meu rei?" é baiana?

Ramom: não é nada kkk é outro dito cujo ai

Martines: pensou que fosse com aquele que eu esbarrei? deu sim,até hoje. eu sou safado, e ele tbm, combinação perfeita.

Edu19>Edu15: continuando ^^

Irish: é só um dito cujo sem importância kkkk

VAMOS AO CONTO:

Os dois pararam de se beijar e olharam pra mim rapidamente, Nicolas estava sem reação, mas ele se levantou do sofá.

-Ah... Oi Eduardo, o... o Tiago só estava me ensinado um golpe de judô, sabe... Ele luta que nem você. Ele falou gaguejando e pegando suas roupas junto com o seu amiguinho (o garoto). – mas ele vai continuar a aula no meu quarto.

-ESPERE. Falei alto e o Nicolas parou olhando pra mim enquanto seu amiguinho seguia pro quarto. – você esta gozando com a minha cara não é? Perguntei.

-presumo que não queira e juntar a gente não é? – ele perguntou na maior cara de pau.

-não, é claro que não. Respondi como se fosse a pior das propostas.

-então, se me der licença. – ele falou correndo pro seu quarto.

Eu fiquei sem reação, meu cérebro ainda tentava processar o que acabou de acontecer ali, mas também não queria ficar em casa e correr o risco de ouvir nenhum barulho indesejado, mesmo com a perna doendo fui pro café do Bernardo, no caminho eu só pensava em como eu ainda não tinha desconfiado de nada, ou por que ele não tinha dito isso antes, tudo seria bem diferente se ele tivesse dito isso desde do inicio. Quando cheguei ao café do meu irmão ele estava no balcão preparando um café com creme, ambiente do café é bem aconchegante, umas 15 cadeiras espalhadas por um espaço bem grande, uma grande parede cheia de livros caso vc quisesse pegar emprestado, musica boa ao fundo, bem legal mesmo.

-você não vai acreditar no que eu acabei de descobrir... O Nicolas é gay. – falei logo pro meu irmão que mexia na máquina de café.

-meu deus... Isso é uma novidade incrível, agora você só falta descobrir que todos os brasileiros falam português.- ele falou fazendo um ar de espantado.

-eu tô falando sério Bernardo. Falei sem paciência para sarcasmo dele. – eu acabei de pegar ele se pegando com outro cara no nosso sofá.

-Ah Eduardo, vai dizer que nunca desconfiou? Ele perguntou olhando pra mim

-é claro que não, eu só acho que ele devia ter dito isso antes da gente aceitar ele lá em casa. Falei sério.

-que diferença isso ia fazer? Desde que ele pague tudo certinho não tô nem ai se ele dorme com homem ou com mulher, e você não deveria se importar também, a vida sexual dele só interessa à ele... A não ser que... Ele falou olhando com uma cara safada pra mim

-“a não ser que” O que Bernardo? Perguntei já conhecendo essa cara dele.

-você esteja com ciúmes dele. Ele falou sorrindo.

-Vai a merda, eu sou homem porra. Falei zangado com a brincadeira.

-então deixa o menino trepar com quem ele sentir vontade uai. – ele falou indo levar o café para o cliente.

Decidi esquecer o assunto, fiquei lá com meu irmão conversando com ele e o ajudando a servir as mesas já que minha perna tinha melhorado, aproveitamos e fomos num restaurante jantar, e chegamos tarde da noite em casa, realmente todas as palhaçadas do meu irmão me fez esquecer a cena de mais cedo.

Segunda eu me sentei a mesa pra tomar café, Nicolas já estava quase pronto.

-então, quer que eu ti espere pra gente ir junto? Ele perguntou

-não, pode ir, eu vou mais atrás. – falei sem olhar pra ele.

-Ah Edu, eu estava pensando em me matricular lá na academia, tô querendo emagrecer um pouco. – ele falou pegando na barriga dele

-eu acho que não tem vaga lá na academia não. – falei olhando pra ele.

Ele fechou a cara.

-acho que eu já entendi. Ele falou pegando as coisas dele mais rápido.

-o que? Perguntei sem entender.

-Olha Eduardo, se vc quer se distanciar de mim pelo fato de eu ser gay, não precisa ficar de desculpinhas não ok? Ele falou zangado e saiu batendo a porta.

Olho sem entender nada, e vejo meu irmão na porta do corredor.

-você viu isso? Perguntei

-vi sim... Ele falou se aproximando da mesa e pegando uma maçã. – e acho que ele esta certo. Ele mordeu a maçã, falando de boca cheia e saiu.

Fiquei ali sozinho tomando meu café, fui pra faculdade e no intervalo falei do ocorrido pra Ana Clara.

-você conhece mais algum gay além do Eduardo? – ela perguntou pra mim.

-não, por quê? Perguntei sem entender.

-eles são bem legais, eles não são nenhum bicho de sete cabeças que vai ti atacar só por que você tem um pênis, não precisa ter medo ou raiva dele,. Ela falou (a Ana é bem direta quando quer ser.)

-espera... ta querendo dizer que eu sou homofóbico? Perguntei pra ela indignado.

-eu não quis dizer isso amor...

-vai a merda Ana Clara. – me levantei e sai zangado deixando ela sozinha na lanchonete da escola.

Ao longo da semana, Nicolas não sentava mais pra tomar café, quando ficava em casa, ficava preso no quarto, não jantava mais com a gente, mesmo quando era a vez dele cozinhar, ele apenas fazia a comida e se trancava dentro do quarto. Bernardo tinha pedido uma pizza e a gente estava comendo na mesa quando ele chega.

-Nick chega ai, pedi pizza, portuguesa, você gosta né? Meu irmão falou colocando metade de um pedaço na boca.

-não... valeu, tô com dor de cabeça, vou tomar um remédio e dormir. Ele falou indo pro quarto

-ele tá magoado. Bernardo falou olhando zangado pra mim

-e a culpa é minha? Ele que se esfrega com macho no meu sofá e eu sou o vilão? Perguntei indignado

-meu deus, não acredito que eu tenho um irmão com um pensamento tão fechado. Ele falou olhando pro céu.

-pela milésima vez, eu não tenho nenhum problema com gays. Falei cansado.

-ótimo, por que se não, a gente ia ter um problema. Ele falou.

-como assim? Perguntei.

-bom... Quando eu era mais novo não me importava se era um garoto ou uma garota. Ele falou naturalmente.

-ta brincando com minha cara né? Perguntei pra ele sem acreditar.

-não é sério, acredite Edu, a chupada de um homem é mil vezes melhor que de uma mulher, e o sexo, nossa como é bom, é mais selvagem, mais verdadeiro, beem mais prazeroso. Ele falou

-Eduardo cala boca, é nojento. – falei interrompendo ele.

-Eduardo eu estava brincado. Ele falou sorrindo.

-Sério? Perguntei desconfiado

-sim, e você caiu, mas pelo o que eu tô vendo, você realmente é homofóbico. – ele falou sério

Depois que ele disse isso, fui para o meu quarto e deixei ele falando sozinho, coloquei meu fones de ouvido, coloquei no ultimo volume.

Fiquei deitado pensando nos últimos meses, eu o Nicolas estávamos indo tão bem, começando uma amizade, dai eu pego ele com outro cara no sofá de casa, e então a gente deixa de se falar assim, será que eu estava sendo duro com ele? Realmente eu nunca tive contato com outros gays, não com assumidamente gays, e odeio a ideia de me comparar a pessoas que espancam outras sem nenhum motivo, a pessoas sem cérebro e intolerantes, mas será que eu estava agindo dessa mesma forma com o nick? Eu fiquei pensando nisso ate a chegar a conclusão que eu estava sendo um perfeito idiota com ele, de manhã eu iria pedir desculpas pra ele.

Estava virando de um lado pro outro na cama e o sono não vinha, resolvi ir beber água, saio do meu quarto e vejo que já estava tudo escuro, mas quando olho pra cozinha vejo uma silhueta conhecida sentada na mesa comendo o que deveria ser os últimos pedaços de pizza que tinha ficado.

-oi. Falei meio hesitante.

Oi galerinha, desculpa se tiver algum erro de português é que cheguei cansado e fiquei com preguiça de revisar kkk ate a próxima

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
22/03/2016 20:01:07
Oxente... Um hétero descobrindo um romance gay... Muito hilário. Teu irmão parece comigo faz piada em tudo kkkkkkkk.. Continua
09/09/2015 00:48:52
Muito bom
04/09/2015 17:22:34
Estou amando teu conto só acho ainda que deveria ter normas na casa ,pois dai ele fica trazendo cada dia um cara pra foder ele rsrsrsrr. isto criaria um constrangimentos acho que tu deva uma dentro se falasse isto a ele ...Beijão
04/09/2015 04:06:08
Este conto tá cada cap melhor. Vc é um escitor sensacional
02/09/2015 11:23:26
Ala que safado,ainda te convidou kkkk eu mandava o cara embora e pegava o nick sozinho hehe. Mano do céu esse seu conto esta muito maravilhoso,amando a cada novo cap. Continue e da uns pega no nick ae. por mim kkkk :3
02/09/2015 10:32:31
Nicolas e danadinho em e tinha que ser no sofá e ainda te convidou kkkk , que situação eu também ficaria meio chateado afinal mal ele chegou e já fez tudo isso, mas acho que vc exagerou, mas continua cara ta muito bom bjs
02/09/2015 10:07:54
Muito bom, sim pensei que você o do esbarrão, bom saber que estao juntos, gosto quando o "autor" deixa isso bem claro, pra não decepcionar seus leitores no final. Olha eu me chatearia por causa do sofá também, mas me diga, lembrando de tudo isso, não sente ciúmes??
02/09/2015 05:32:50
Tadinho ele se sentiu menosprezado por ser o que é. Vamos ver se se acertam agora.
02/09/2015 01:20:59
Essa do sofá foi comico, estou adorando <3. Abraços seu ótimo escritor
02/09/2015 00:51:26
Muito bom rs *-*
01/09/2015 23:49:36
Eitaaa que agora começa os estopins kkk. Continue pq está bem legal.
01/09/2015 23:49:04
Nicolas é cara de pau, ainda tr chamou para participar kkkkk. Bom eu ficaria chateado tbm principalmente pelo sofá. E cara vc tava sendo um mané de classe maior hen! Mas mal começou e ja está com preguiça? Só permito preguiça no capítulo 100 kkkkk brincadeira. Abração
01/09/2015 23:26:10
Parou no melhor momento não é?malvado... Não sou baiana... sou paraense. Mas quando vc convive muito tempo com um , vc pega uns modo... Bjos e até a próxima!A. Ps.: O capitulo foi maravilhoso! vc ja esta calminho né?
01/09/2015 23:08:59
Ótimo.
01/09/2015 22:53:45
Muito bom cara. E agora que vc começou e já tá com preguiça??? rsrs Brincadeira... continua tá? abraços
01/09/2015 22:48:35
Amei. O Nicolas reagiu bem mas vc ficou bem.surpreso né é natural isso. Aguardando o prox.bjos
01/09/2015 22:48:04
Só achei muita sacanagem o Nícolas estar fazendo isso no sofá da casa dos caras... Uma casa que não fazia nem uma semana que ele tinha ido morar.
01/09/2015 22:35:36
ola muito bom. vc luta, quais artes marc.
01/09/2015 22:06:03
Eu tbm ficaria puto da vida com essa situação,não por ele ser gay,mas sim por estar fazendo isso no meu sofá e num lugar q não é só dele e sim de 3 pessoas

Online porn video at mobile phone


Broxe de tirar folego xvidiossexoirmá vai dormir con seu irmaoficou mostrando a calcinha pru cunhado levo pau grosso so no cutopei minha prima dirmindo .com xxxvideoMenina nova de causinha tolada na buçeta xsvidiowwwxxvideo filhinha apaixonada.na rolairmao pistoludo judia da irmaelementarians eroticoContos pornos-fudi a mendigacontos eu meti meu picao nela sem pena incestoconto erotico transado com costureira bucetao inchadacontos eiroticos leilapornvizinha fudendo na hora do almoçoxvideos baixo o ziper empurro a rolaContos Eroticos Roberta no Cruzeirocontos eróticos pegando a gordas e pedreirossignifica sonhar que estou de sutiã e tanguinha dentro de casa e depois me sinto vergonhaenfiando a cabecuda por baixo do vestidoxvideos rolas chapuletadasfudenoa irmadechortinhoamarro as bolas e esporrouO doce nas suas veias (Capitulo 10) Autor Vamp19xvideo esperei minha tia mija no mato pra estrupa elamrnino evade a casa da tia safada i ve a tia peladaconto gay passiva pauzinho broxaereçao mstutina tio boy gsycasa dos contos eroticos Alê12Novosfiumepornopunindo escrava sadomasoquismoBroderagem contosmulher Fazendo Estripetise Para Seu Marido E Depois Acabado em sexocachorro gozando na novinhagQuero assistir filme pornô mulher sendo arrombada pela uma muda de limãoenrabando cunhada e sobrinha contocontoerotico eu,namorada, minha mae e tio jorgemulher beijando a mulher na boca pelada no titubeargarota muinto novinha com cona muinto apertadinhaestupro esposa contos eroticosestripulia caseira na cama com a chanafudendo loirafada coroadoce nanda parte cinco contos eroticosa mulher dando furingo a mulher dando o cu para o homemconto eurotico casal pescano com amigo beldoNegro 1.87 mandou ela tirar a roupa enfiou dois dedos na xana delanegona carvao trepando pornodoidocomendo sogra encuanto dorme porno loiraesposadis pra marido voce deicha outro homen me chupar e comer minha. bocetacontos de podolatria scarpinenfiando a cabecuda por baixo do vestidomulher convulsiona de tesao no pinto monstroBuceta da egua piscando pidino roladeisinha dando a bunda.irma bunduda pediu pro irmao tira a virgindade do cuzinho contosnao era pra enfiar no meu cuzinho virgemcontos eróticos cuzinho da mendigarevista private relatoscontos tia dando o cu pro sobrinhoforçando a enteada dar o priquito e o cu pro padrastoquando o outro eu quero filme só de mulher pornô fazendo pornô com a outra arranhada r***** bundudaAliviando os funcionarios contos eróticosxxvideos tetano fuder a coroar brasireraxvıdeos porno novınhas do paebadboys roludo comendo mulher a forcamulher cachorro cavalo buceta borbulhandohomnes esibindo seu pauzao no sanba cansao pornodoidogaleguinha baixinha trancadinha novinha transando e beijando a forçacontos eróticos meu genro me pegou traindo meu maridoLibério XVídeos das irmãs transando no conventofudeno a espoza antes de dormi videos realvelho bebado esfregando a cabeça do pinto na bucetaContos picantes ainda virgem fui abusada por um entregador velhocasa de contos eroticos, cadela no cionivinhas bebê tambem da cu vidiofragei milha mulhe comegaomuher tento fujir negao roludo empuro tudocontos eu e meu sogro estuprano minha maesitoriha de dezeio de sexoNovinho dotado fudeu a bucetinha da mocinha e arrancou as pregas do cursinho delacontos sobre padre taradoxvideo cazadas sendo comidas.por roludos cabessudoscontos eiroticos leilapornfoto de novinba de bucsta arreanha amostrando o cabaçoSofia esporrando na mão da mãeContos mendiga pornoxvideos morritoeminha irma fou raspa aproveitei pornxvideocomi. meu. marido e dei para. meu. sogrobolinei amigo ate ele mi davidios de rezador com putariassexo entre.lutadores perdeu auta da ocuzinho pro vencedor ver pornotirei+nota+baixa+no+colegio+e+me+padrasto+me+comeu+conto+eroticoouvir contos eroticos narrados de gueis tranzando loucoscoletania de negao socando ate o saco nas esposas gringas com vestidos pornoXVídeos novinha Caboco apalpando o pau na goela da mulher e homem transandocontos foi passar uns dias na casa do cunhadovidro porno loirinha estava no quarto quando escuta algo na sala e quando vai ver flaga seu padrasto careca se mesturbando conto erótico mulher sequestradaxvideo contos de feiticeirasexoconto erótico do meu avô