Virei putinha dos marinheiros IV

Um conto erótico de rodriguinho
Categoria: Homossexual
Data: 31/10/2016 17:32:06
Nota 10.00

Acordei com ele me ligando, não atendi, ele ligou de novo e de novo, coloquei no silencioso, fiquei vendo ele ligar sem parar, recebi alguns torpedos, meu cuzinho ardia, inchado e parecia q cada vez q ele ligava meu cuzinho sentia saudade do pau deles. Quando acordei no Domingo tinha muitas chamadas durante a noite toda, tava com medo, tinha adorado tudo, mas tinha medo de tudo q ele tava fazendo comigo, e tudo q eu tava aceitando fazer com ele e por ele. Sai e deixei o telefone em casa, não queria falar com ele não queria ver ele nem os amigos, não entrei na net todo o dia. Atardinha quando olhei o telefone tinha 132 chamadas, entrei na net e ele me chamou na mesma hora, me chamando de puta fudedeira que não podia dexar ele assim que ele tinha ficado toda tarde me liganndo e eu fazendo de dificil depois q ele xingou bastante tentei esplicar que tinha ficado com medo por tudo q tinha acontecido e ele disse q eu não tinha q ficar com medo q tinha q confiar nele q ele ia decidir tudo de melhor pra mim, mandou eu ir na Segunda depois da aula pro apt e levar pelo menos duas roupas sexy que eu ia Ter q recuperar a foda do Domingo. Não tive coragem de dizer q não e aceitei, tava quase chorando de medo, pensando em tudo q podia acontecer, mas aceitei. Fiquei todo tempo pensando em tudo q podia rolar e o que ele ia me forçar a fazer e dormi muito pouco durante a noite pensando nisso.

Na Segunda acordei e aproveitei que a mana não tava pra olhar as ropas dela e escolher duas bem sexy como meu dono tinha mandado, demorei pq não sabia bem o que escolher, mas peguei duas roupas completas, uma com calcinha de renda branca pequeninha e enfiadinha um sutian rendado lindinho uma saia tb creme clarinha justa uma camisa de gola branca quase transparente pra mostras as rendas e um sapatinho de salto o outro conjunto era com uma calcinha de algodao azul clara e bem confortavel, um top azul claro combinando com a calcinha um shortinho de malha colante cinza e um camisete q deixa um ombro de fora e um tenis rosinha bem feminino. Almocei e antes de sair pra aula disse pra mae que ia estudar na casa do alceu (meu melhor amigo) e perguntei se podia dormir lá, ela deixou e corri no quarto pra pegar a mochila q tinha as roupas da mana, ela pensando q eram roupas minhas. Fui pra aula, não consegui prestar atencao em nada, so pensando no que ia rolar depois. Avisei o alceu q tinha mentido pra mamae, ele queria saber onde eu ia ir e eu disse q não podia contar, ele ficou rindo e dizendo q eu tava com namorada, há se ele soubesse. Sai da aula e fui ate o ap do ronald sonhando com o q ia acontecer, nem percebi o tempo passando. Toquei o interfone tremendo de nervoso e quando ele abriu a porta e eu entrei levei o tapao na bunda de sempre, ele disse pra ir me vestir q ele ia preparar tudo. Fui pro quarto e coloquei as roupinhas bem sexy, calcinha rendada e o resto todo. Me olhei no espelho a saia e a camisa tavam quase tranparentes, mostrando as rendas da calcinha e sutian, a calcinha meio enfiadinha provocante a bundinha bem arebitada pelo salto, eu tava adorando cada vez mais isso tudo de ser putinha dele, abri a porta e fui pra sala, tava tudo escuro com algumas velas acesas, adorei a surpresa, ele tava sentado nu no sofa e mandou eu aproximar, ele tava com um lenço na mao e vendou meus olhos, mandou eu dancar e rebolar, colocou uma musica alta e eu fui dancando, rebolando e as vez sentia ele passar as maos em mim. Fazia poses arebitava a bunda, seguia a musica alta com meu corpo. Ele baixou a musica e mandou eu tirar a venda, tomei um susto pq tava todos lá, alem dele tinha o marcos do primeiro dia e os dois do segundo dia. Eram quatro, todos pelados de pau duro e pelo jeito tarados por mim. Eu fiquei sem graça, parado em pe no meio da sala com eles todos me olhando e se punhetando. Mandaram eu dancar e fazer um strip, olhei pro ronald ele fez sinal pra eu obedecer, fui dancando sensual e abri a camisa devagar tirando e jogando pro ronald, abri o ziper da saia e fiz cair nos meus pes, segui dancando de calcinha sutian e salto, eles batiam palma e se punhetavam as vez algum dava um tapa na minha bunda que estalava e doia, mas segui obediente. Eles levantaram e ficaram todos dancando na minha volta, com os paus duros esfregando em mim todos rindo e eu pegava os paus que tavam ao meu alcance e punhetava um poco cada um e esfregava a bunda em quem me coxava. O cheiro de pau tava no ar, nem sei quem foi q me fez ajoelhar e enfiou o pau na minha boca e logo eram todos entrando e saindo da minha boca, eu chupava e babava e mal dava tempo de sentir e ele tirava e outro metia, eu aceitava todos os paus sentia todos os sabores, era uma putinha pra eles meter e aproveitar sem respeito. Eu chupava um e punhetava outros dois, tava muita loucura, cada vez eles metiam mais fundo ate o talo e segurava minha cabeca pra não tirar, eu tava todo babado de tanto pau entrando e saindo. me levaram ate a mesinha de centro e deitei, nem tinha acomodado ainda e já tava com um pau na boca logo depois um em cada mao e ai senti um esfregando na bunda não sei qual tava mais duro ele arriou a calcinha ate a metade da coxa e comecou a colocar e tirar a pontinha, senti meu anelzinho abrir e fechar junto com o movimento dele eu gemia mas o pau na boca não dexava respirar direito, minhas maos não sincronizavam pra punheta e eu levava tapas no rosto no pescoco nas costas e na bunda pra melhorar os movimentos. Quando senti um pau todo socado no cu e outro na garganta e ainda tentava acertar os movimentos das maos quase fui a loucura de tanto tesao q tava sentindo. Eu era a putinha de quatro homens, todos metendo e abusando de mim, aguentando todos os pau duros todos querendo gosar. Eles foram tirando os paus de mim e ficou so o ronald metendo no cuzinho gemendo e deitou por cima de mim sem gosar, descansando um pouco. Ele levantou e sentou no sofa junto com os outros, eu fui de joelhos ate eles e comecei a chupar todos um de cada vez um pouco pra cada, a calcinha imcomodava e tirei toda ficando so de sutian e salto, eu sentia meu pintinho balancando quando chupava, eu ficava babando na cabeca de cada pau e depois voltava enfiando ate a garganta, eles seguravam minha cabeca pra entrar bem fundo. Depois de muito boquete, os quatro levantam e ficam ao redor de mim, punhetando eu olhando e de boca aberta quando eles comecam a gosar na minha cara me deixando todo melado, vai gosando um a um e eu sinto os jorros na cara cabelo pescoco peito é muito goso, pq eu escitei eles demais com minhas maos boca e cuzinho. Eles gosam gemendo forte e eu ali parado recebendo o leitinho na cara. Eles gosam e vao sentando, fico ajoelhado todo gosado, engulo um pouco com os gostos misturados, o ro manda eu me lavar e voltar com a outra ropinha que eles querem mais foda. Recolho as roupas espalhadas pelo chao, corro pro quarto so de sutian e salto, eles rindo de mim. Tomo um banho lavo bem o cuzinho vou pro quarto pra vestir a outra roupa, a calcinha de algodao azul claro e bem confortavel, o top azul claro combinando com a calcinha um shortinho de malha colante cinza bem curtinho e que ficou bem socadinho atras, um camisete q deixa um ombro de fora e um tenis rosinha bem feminino. Fico me admirando no espelho umpouco e dpois vou pra sala onde sei q eles me esperam pra outra rodada de foda. Mal entrei na sala e já tinha varias maos em mim, amassando minha bunda minhas coxas meu peito, varios paus esfregando em mim, so o tecido fininho entre minha pele e os paus duros, eles me prensam, fazendo sanduiche em que eu sou o recheio. Seguro dois paus que estao ao alcance das minhas maos, punheto, eles gemem, os outros me coxando, um abusado estica o shortinho e esfrega o pau dele no meu cuzinho quase entrando, solto um ai de susto e todos riem fazem eu sentar no pau e logo já tenho um pau na boca, sento fazendo carinha de dor com um pau atochado no cuzinho e outro fundo na boca, pra equilibrar seguro mais dois, eles forcam pra baixo pra sentar fundo. Oque mete o pau na minha boca segura minha cabeca e faz entrar na garganta fico sem ar, eles não dao folga, metem e tiram meu cuzinho aceita o pau sem reclamar, eu gemo com um pau na garganta, de olhos fechados deixo meus machos abusarem e aproveitarem do meu corpo. Rebolo chupo e ouço os gemidos de prazer deles. Dois me pegam no colo e levam pra cama, de 4 um no cu outro na boca os dois metendo juntos os outros so olhando, meu corpo balanca em cada metida, eles param e logo vem os outros dois metendo e tirando me fazendo ver estrelas ate ouvir o goso deles e sentir o jorro na boca o no fundo do meu cu, nem dá tempo de me recuperar e os dois primeiros metem de novo e gosam em seguida, deito e fico quietinho sentinho meu cu latejar depois de tanta foda. Eles vao pra sala e se vestem eu fico jogado na cama. Fico bastante tempo ate me recuperar, acho q adormeci, acordei com um pau esfregando na boca forcando pra entrar, abro a boca e ele mete sem pena quase me afogando, na posiçao q ele mete entra fundo demais, levo as maos ate o saco dele e acaricio sentindo todo o tesao do macho abro os olhos e vejo ron, o pau duro demais, eu babo tentando respirar ele ri do meu sofrimento e segue metendo, tira um pouco e eu respiro tentando me recuperar, me ajeito na cama e ele mete de novo metendo na minha boca como se fose uma buceta me fazendo ficar com lagrimas nos olhos. Sou a putinha dele e ele so me da o que mereço, mete muito tempo com o pau muito duro, minha boca doi quando ele resolve parar sem gosar, deita e adormece, me aninho no peito dele e tb durmo.


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive adotiva14 a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
31/03/2017 02:11:40
Uaaaau!!!! Delicia!

Online porn video at mobile phone


Conto gay novinho crentevovo sonda a neta no banheiro e fode sua buceta a forca sem ela querer pornoconto erótico Levei minha mulher na pescaria da perdiçãoconto cu entaladoContos eroticos casal certinho e travest roludobotando o joelhinho em cima da mesa xvideosfilme pornô de guerra fria maior chupando grelo da outraXVídeos coroa do escritório cabeludo tocando seg****** de esguicharFazendeiras e seus contos eroticos picantesporno irado de filho espiano sua mae peitudaindo até ejacular até gozar gritando de tanto prazer XVídeos pornô pornô doido pornô iradodei minha esposa santinha a um comedorcontospono aprimiravezContos eroticos chantagiei e chupei minha maninha imausexo imaconto erotico gay negao dominador gosta de maltratar viado brancocontos eroticos pastor faz irmãzinha chorar com pau grande no praboQuero ler contos erotico o menino do morocontos erotico,meu genro me enrrabou dormindocontos eroticos comendo coroa peidadocontos eroticos irma igreja bebidonBUCETINHA QUENTINHA, protegendo com sua BUNDA MARAVILHOSAConto gay viagem Onibus leitomosa esfregado ocabaso ate gosarpornô com magrinhas bem branquinhas e Dalvinhapaola olivera mostrando sua buceta e seu rabaoContos eróticos flaguei o pastor arrombando minha linda noiva santinhaporno moçambicano putas gemendo e falando coisas escitantes.padrinho encoxano afilhada cozinha comerirma no cio chupa tudo sem frescuraconto erotico minha bunda muito cobicada gaycontoseroticocasadasporno com mae mae tentando risis tirContos eroticos anal de ipatinga mgcontos eroticoscuzinho sem pregascdzinha gostosa para programa sp capitalmulher transando com homem quando ele se enrosca dela no ônibusencoxada no metro xvdSou coroa casada os mulekes rasgaram minha calcinhajaponesinha novinha colegial não resiste as investidas do irmão e transa com eleGostosas peladas com silicone na bumda que fazen os guri bate punhetamulher de soltinho se matutando pornovídeo pornô da mulher com carro enguiçado o cachorro dela para casa para transarcu da mulher do corno ta so o rombomeu patrao agiota ele fudeu minha buceta virgem conto eroticocontos eróticos da esposa pegou a amante na cama e castigouvidiho porno vijen esdrubomtk contos eroticos coisas do destino capitulo 1deu nuonibuninfetinha de saia comprida provoca dog zoofiliacontoerotico com mulher casada e negrocontoerotico eu,namorada, minha mae e tio jorgevidios pono sohenteeu sempre brincava com as coleguinhas de mimha irmã, e prdia para eles baterem punheta para mimporno empurrou de uma vez que ela pinotouSou coroa casada os mulekes rasgaram minha calcinhax vidios branqinha cabelopretowwwxxvideo novinha sabe fuderbpyzinhos batendo punheta infiando um dedo no cu apimeira vezComedor de mulher de corno campo grande mscontos porno na barracairma cassulinha dando mole xvideovideo de sexo negao da rola de cinquenta citimetro com uma jeguabaixar vídeo de sexo de cachorro e mulher ponto comcontos eiroticos leilapornputariha gratis de pai chupando os peitiho duro da fiha noviha bobihabrechei.minha.mulher.chupando empregada contoxvideo contrata negao pra alisa mais esgorega e entracontos de viadinhpsTesuda de chorto socado durmindoque ver conto erotico imao es piano imao novinha peladanegao arregaca cu de vadia contoscontos.eroticos avo.peludo idoso bigodeContosmulherbebadauma triscadinha na buceta e gozorgozando na boca crente novinha sem avisarler contos eroticos de padres reaissexo pornô grátis baixar para trabalhar filho faz sexo com a mãe gostoso mete gostoso dando linguada nela né tipo de mesa mãe gosta deixa gozar dentroEm puro arola no cu do bebocunhada.dulce.trepando..com.o.cunhado.pintudconto erotico mulher vira escrava sexial por chantagemvide pono pai fendo afila tomando bainomeu sogro isasiavel comtovideo de mulhe rapado abuçeta e lavado mulheres brincando com penis so na portinhacontos eróticos de lésbicas de coleira e plug analcache:3A3-3V1yYz4J:gtavicity.ru/tema/choro%20na%20vara%20a%20x%C3%B3linha%20! contos eroficos o caralho gg do vizinho me maltratou contos gays/categoria/enviados gays-arrombei o cuzinho de meu filhinho veadinhovadia casada dano d quatro q bagunca todo cabelo safada xvideoscontos so homens gemeos transandopraticando scat desde pequena contosconto erotico gay negao dominador gosta de maltratar viado brancofilha enventa de dormir na cama do pai ele nao aguenta gosa dentro da buceta delabaiano chupando clitori e falando besteirasxvideo comendo gay letametemulher que encolheu todinho com ponta do rabo XVídeos brasileirocasalnudes xvideoscontos eroticos minha esposinha e o inquilino velho