Tia viúva e gostosa 2 - As primas

Um conto erótico de Raul
Categoria: Heterossexual
Data: 27/01/2019 15:15:58
Nota 9.64

Esse conto é a continuação de tia viúva e gostosa.

Minha relação com minhas primas Carla e Carolina sempre foi muito boa, mas ultimamente estávamos ainda mais próximos por eu estar convivendo mais e frequentando a casa delas aos fins de semanas.

As gêmeas eram um tesão só, baixinhas, de pele morena queimada de sol, tinham corpos deliciosos e como falei puxaram o mesmo rabo da mãe o que as deixavam irresistíveis.

Após ter comido minha tia nossa relação ficava cada vez mais estranha.

Certas vezes ela me tratava com frieza e indiferença, já em outras me dava olhares fulminantes ou se esbarrava "sem querer" com sua enorme bunda na minha rola.

Eu estava ficando louco com essa situação e queria muito fuder ela novamente.

- Aí Raul, desculpa não vi você. - disse ela esfregando a raba em mim.

- Viu sim sua safada. - a agarrei pela cintura e a encochei com força na cozinha do escritório mesmo.

- Me solta Raul. Não podemos mais. - disse com uma voz melosa.

- Se você não quer me dar, vou procurar outra rabuda pra me satisfazer.

- Faça o que quiser. Dúvido que vai achar uma com um rabo como esse. - disse isso e se esquivou saindo rebolando.

No domingo cedo como costume fui até a casa dela para passar o dia e dormir. Carla e Carolina estavam tomando banho de sol na piscina.

Vi aqueles dois rabos lindos virados pra cima e decidi que seriam meus.

- Oi primas lindas, estão sozinhas em casa?

- Sim primo, a mãe foi no clube fazer sauna. Volta com o almoço pronto. - explicou Carla.

- Ah entendi. Vocês não vão entrar na água?

- Eu vou daqui a pouco primo. - disse Carla.

- E você Carol?

- Ahh quero torrar mais no sol. - mostrou a marquinha de biquíni linda. - Tá fraca ainda, quero ficar preta rsrs...

- Tá certo. Vou me trocar e já volto então.

Coloquei uma sunga correndo e notei que já estava com o pau estralando, certamente elas iriam notar mas não me importei pois isso podia facilitar as coisas.

Quando voltei Carla já estava na água. Ao andar até a borda percebi os olhares discretos das duas em direção a minha sunga.

- E aí Carlinha, vamos inventar uma brincadeira?

- Hmm Qual vai ser?

- Eu jogo essa moeda no fundo da piscina e você tem que pegar enquanto eu tento impedir. O que acha?

- Rsrsrs isso é banheira do Gugu Raul...

- E o que que tem?

- Rsrsrs nada... Vamos lá

Começamos a brincadeira, ela logo mergulhou pra achar a moeda e eu fui atrás a segurando e esfregando minha rola na bunda dela. Soltei um pouco pra ela pegar a moeda e voltamos.

- Consegui. Sua vez. - ela jogou a moeda e mergulhei pra buscar, nisso ela me agarrou e cruzou as pernas sobre minha cintura. O contato dos nossos corpos estava me dando muito tesão.

- Consegui. Pode me soltar se quiser...

- Ah você é muito forte. Carol vem me ajudar a segurar o Raul.

- Hmm tá bom... Já vou

Carol entrou na água e veio sorrindo na nossa direção.

- Você segura pela frente e eu por trás.

- Ok irmã.

Que coisa maravilhosa aquela sensação. Carol grudou em mim pela frente e Carla volto a posição anterior atrás. Eu tentei buscar a moeda pra desbaratinar, mas não conseguia sair do lugar. Estava uma delícia. Revessamos quem buscava a moeda e os outros dois só agarravam. Um tempo depois ouço a voz da minha tia vindo da casa.

- Trouxe almoço pessoal

- Mãe. Vem ajudar a gente a segurar o Raul. - gritou Carla.

- O que vocês estão fazendo?

- Temos que impedir ele de pegar a moeda... Vem

- Sei... Tá na hora do almoço chega disso aí...

Eu estava com o pau em riste, disse que queria dar uma nadada e já ia. Fiquei uns dez minutos na piscina pra me acalmar e poder sair.

- Que brincadeira besta essa hein? - disse minha tia com cara seria.

- É só pra se exercitar um pouco. - disfarcei.

- Pois é. Que canseira né Raul?

- Ohhh nem fala prima. Ainda mais com duas me segurando.

Terminamos de almoçar sem tocar mais no assunto. Depois Minha tia se dirigiu a pia pra lavar a louça e minhas primas subiram pro quarto.

Quando vi aquele bundão enfiado num shortinho curto não tive dúvidas e a encochei com força.

- Ficou com ciúmes titia?

- Seu puto. Pra cima das minhas filhas?

- Você duvidou que eu achasse uma rabuda igual você. Achei duas.

- Seu cachorro. Vai lá pro banheiro da piscina tomar banho que eu já vou. - disse enquanto beijava seu pescoço.

Entrei no banheiro e já tirei a sunga, meu pau estava babando. Minha tia não demorou e quando entrou foi logo ordenando.

- Me lambe seu cachorro. Lambe meu cu até eu mandar parar.

Fiquei de quatro e me posicionei atrás daquele rabão branco enquanto ela abaixou o shorts e vi que estava sem calcinha.

- Lambe cachorro.

Enfiei minha cara naquele rabão branco. Que delícia sentir o gosto dela. Ela apertava as duas abas na minha cara e gemia. Eu estava no céu.

- Me lambe Cachorrão. Me lambe que eu sou sua dona.

Lambi ela inteira por uns dez minutos, estava adorando mas minha pica não aguentava mais...

- Deixa o Cachorrão meter na cadelinha?

Ela se apoiou na patente pra facilitar...

- Vem Cachorrão. Mete com força. Agora quero no cu.. - o cu dela estava toda babado e decidi colocar de uma vez.. - Ahhhhh fdp! - ela gritou alto.

- Vou te arrombar rabuda.

- Tá doendo desgraçado.

- Aguenta cadelinha.

- Ahhhhh Mete então Cachorrão. Mete nesse rabo de cadela. - meti com força enquanto aguentei e avisei que ia gozar. - espera...

Ela se abaixou e abocanhou minha rola a tempo de eu despejar toda minha porra dentro.

- Ahhhhh seu Cachorrão. Adoro um leitinho.. Vamos pra dentro que as meninas podem estranhar.

Ela se arrumou e logo subiu pra sua suite enquanto eu fiquei no sofá da sala. Logo depois Carla desceu e veio sentar comigo.

- Minha mãe nem lavou a louça nesse tempo todo?

- Ela ficou respondendo uns e-mails. - tentei disfarçar.

- Hmm... Eu ouvi um grito bem alto agora pouco. - eu não sabia o que dizer. - você não ouviu primo?

- Não lembro.

- Que safado hein... Fica esfregando essa rola dura na minha bunda e depois vai comer minha mãe... - eu apenas ri - sorte minha que a Carol adora lamber essa buceta...

- Nossa que imagem linda. - nisso ela mandou uma mensagem no celular e depois começou a alisar meu pau.

- Hmm parece que tá ficando animado de novo... - baixou meu shorts e começou um boquete gostoso.

- Aí começou sem mim sua tarada. - disse Carol assim que chegou.

- Vem dividir comigo mana.

As duas se revesavam na mamada. Eu queria fuder elas ali mesmo, mas como minha tia estava lá em cima achei melhor não abusar da sorte. Depois de um tempo anunciei que iria gozar e as duas abriram a boca esperando a porra. Gozei na cara delas e elas depois se beijaram dividindo minha porra.

- Que delícia primo. Semana que vem a gente faz banheira do Gugu sem roupa ok?

- Claro suas gostosas. Quero muito fuder esses rabos lindos.

- Temos que convidar a mãe pra participar...

- Você tá louca?

- Louca pra lamber aquela bundcha branca...

- Ahhhhh eu também irmã. O que acha Raul.

- Acho que vocês tão doidas rsrsrsrs...

- Veremos.....

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
22/05/2019 21:11:46
Delícia de conto.
10/05/2019 00:35:56
Excelente!!! Continue!!!
16/02/2019 11:25:11
Muito bom. Aguardo a continuação.
09/02/2019 09:26:16
Delícia de conto. Votado nota 10. Leia a minha série de contos também: EU, MINHA ESPOSA E MEU AMIGO DA ADOLESCÊNCIA.
29/01/2019 03:16:59
Putz, que delícia. Que cara de sorte Raul, ter uma tia gostosa e agora duas primas.... que delícia.
29/01/2019 00:55:51
Delícia
28/01/2019 09:32:57
Rapaz ai sim em belo conto rsrs nota 10 espero ancioso pela continuação
28/01/2019 09:12:43
Raul, está esquentando. Agora titia vai ensinar as filhas, apesar que do nada estava as primas mamando.
28/01/2019 05:03:43
Muito bom
28/01/2019 02:28:41
Maravilhoso!!!! Continue!!!
27/01/2019 23:26:15
Tava interessante ate a parte das primas do nada virem chupar achei bem estranho enfim
27/01/2019 21:25:47
Que maravilha.Aguardo a continuação
27/01/2019 19:05:35
Muiiito bom. De deixar de pau duro. Aguardando continuação.
27/01/2019 18:52:22
Ótimo, estarei esperando pela continuação

Online porn video at mobile phone


conto de sexo com cunhadaXvideos cunhadinha de tualhaporno fui ajudar minha conhada na cozinha qui ela em gancho a mãocoroa novinha transando da put e da das tigresa da preguiça do pornô filme do Rio São Paulomenina delirando na pica 15 segundos no XVídeos MGconto mariano super excitadomenina grita esta doendo e ta se cagando anal pornmtk contos eroticos coisas do destino capitulo 1estuprando lesbica japa e torturando com pedaço de pau no cu apertadox videos " ele encheu minha boceta"porno contos menininhas da crecherapas da bunda linda dando cu de brusu pro negaoeu quero ver uma mulher virgem sendo e******** pelo seu cunhado ela topadao playboy e o menino da favela casa dos contoswww.patrao contrata mundo bicha.comcontos anais + caminhoneiro enrabador da jeba grandecontos eroticos meu marido contratou um dominador pra me adestrarcomo faze a mulhere no gta xupare no gtaconto sou crente casada carente provocando os pedreirocontoesposaprostitutarelatos de chuva douradahttp://tia gostosa vae com irma visita o subrinho doente as 2 fode com elevirei mulher na cama contos wpca groca cabecuda gozando dentro video pornoPorno gratis xvideos amador sexo com.vovozonasosobrinho. segura. a. escada. pra. tia. gostosa. subir. de. saiacontos irmas em onibus de viagem transa com passageiro para outro veme empreste magrinha abrindo a b***** com pau enorme do negãogay jogando video game pelado sozinhoXVídeos atormentavam televisãohttp://linkshrink.net/7coxzDContos eroticos o comedor do soniferoaluna do mar Ivone da chupando o pau do caraэхросли болаgostosa se masturbando com pinto de borracha solta p**** falsamarido segura as mao da esposa para o amante enfiar o braço na nuceta dela enquanto ela grita de dorxvideo nigro xxxvvncapeta rasgando e toturando cu de putaconto erótico de familiadei a buceta no rio contos eroticosessa coroa coloco varias calcinhas p meterxvideo professora lecionando de shortinho atolado no cuconto gay ele se revoltou e tomou todassou casado e a prima da minha mulher veio morar com nosco maz umbelo dia chego e minha esposa nao esta ai pego sua prima se masturbano vou contar como foiVídeo d homem fazendo sexo anal com cochoronovınha youtube rebolandocunhada bucetuda e deboxadavoiarismover as novinhas rebolando as bundas de fio dentauasistir video porno angolano de tia e sobrinho.contos eroticos fazenda do interiora mulher e amante apertalas bolas pornosignifica sonhar que estou de sutiã e tanguinha dentro de casa e depois me sinto vergonhaconto erotico molequinha na escolaseios com mamilos pontudosmais lindocontos eiroticos leilapornxvideo mãe pega filno peladocontos eroticos sem querer maexvideos.com mae brincando com filho com malicia e acaba mobileA Vizinha Evangélica do quadril largo Contos contos eroticos feminizaçao do garotinho maecontos eróticos de mulheres se vingando de rivalagora eu quero ver o vídeo do veado Carlinhaquero ver foto de caminhoneiro do pau grande e grosso e ele peludão grandãorelaro erotifo mae bucetuda e filho pau gigant..xporno novinha tomando banho de porta aberta ai o seu irmão entra e ver ela e fica de queixo caído com o que ta vendo contos eroticos , meu padastro sempre mim desejava , mim pegou a força , eu quero ver encostadinha acaba com a rola pra fora e g****** na roupa da mulhersolandoa bucetinha virgem da gatinha cm o picairmao pede fio terra para irma enfia o dedo do cu mais velha gostosabritadeira sem limite xvidecontos eroticos cnn estupronovinho empresionado com o tamanho do casetao do tiox videos mulher lammbendo o cusinho do homem e ele gosaemtiadas xvdconto erotico dei para um estranho na casa de swing