Metendo Com A Ruiva Gordelicia na Praia

Era madrugada, estávamos conversando ao pé da piscina. Contando casos e besteiras. Todos estavam bêbados. Decidimos ir para a praia para ver o mar. Que por mais que estivesse um calor insuportável. O movimento era bem baixo, poucos quiosques abertos, os que estavam abertos já estavam basicamente encerrando suas atividades.

Fomos indo mais para praia, ela levando uma bolsa e de biquíni e uma blusinha por cima, eu só com uma bermuda. Ela uma gordelícia ruiva com algumas tatuagens. Um pouco altos, queríamos queimar um em frente ao mar. Ainda, não descemos para praia, ficamos escorados numa barragem de pedras, onde as ondas quebravam.

Ali, eu estava encostado nas pedras, ela recostada com a cabeça em meu peito e a gente conversando.

Um clima foi nascendo, a começou a se beijar como dois adolescentes apaixonados, em pouco tempo o tesão tomou conta de nós, então eu já estava com as mãos por baixo de sua camisetinha bolinando em seus peitões que mal cabiam no próprio biquíni, assim eu ia engolindo e testa o gosto do seu beijo.

Ela pressionava sua pélvis contra a minha para sentir meu instrumento duro, e de fato, com a paixão que nós estávamos não demorou muito e ele se enrijeceu. Ela me beijava suculentamente, chamando de pirocudo. Agora é sua mão direita que está a me punhetar por cima da bermuda, tudo isso ainda quando estamos nos beijando. Eu arranco meu pau para fora e mal preciso pedir e ela já está punhetando ele. O que antes discreto, agora, perdemos a vergonha e não nos importamos com qualquer pessoa que passasse. Por nossa sorte, ninguém passou.

Decidimos descer para a praia e procurar um cantinho para meter gostoso. E não importava se areia entrasse em lugares obscuros, o tesão dois dois era tão alto que isso definitivamente não seria um entrave. Achamos um cantinho entre umas pedras, estendeu a tolha sobre a areia, ascendeu o beck, deu um trago e me ofereceu. Peguei, puxei e soltei. Devolvo para ela, segurando o beck ela começa a elogiar, meus olhos, meu sorriso e meu pau, nessa hora ela dá um risadinha sacana, me puxa para perto dela e me beija gostoso, eu acabo espalhado todo seu batom. Ela me avisa que tô com o queixo sujo, eu falo pra ela limpar, ela pula em cima de mim e me beija e lambe o rosto como uma cadela.

Me derruba na toalha, me fazendo ficar deitado. Ela me beija o pescoço e vai descendo, me beija a o peito, a barriga, abaixa a bermuda, me beija a virilha e obviamente, meu pau está duraço nesse momento. Segurei sua cabeça com minhas duas mãos e forçava ela contra meu mastro, ela se engasgava um pouco, mas nunca vomitava, adorava quando eu forçava sua boquinha pra engolir o pau inteirinho, eu estava em completo êxtase com o seu babão, e eu olhava para o céu e curtia a brisa do mar. Avisei que ia gozar e travei ela com as minhas pernas, para que engolisse tudinho sem desperdiçar, e assim foi, gozei em sua boquinha e bebeu minha porra todinha sem deixar escorrer. Limpou a boca, deu uma tragada no baseado que a essa altura estava ali do lado, e se recostou em meu peito, mas já com a mau em meu pinto, agora mole já querendo um segundo fight e torcendo para que alguns resquício de gala escorresse dele em seus dedinhos ela pudesse saborear.

Íamos nos beijando demoradamente, como um casal apaixonado, e de fato estávamos. Ela tira a blusinha, a parte de cima do biquíni deita na toalha e sem pestanejar eu subo em cima dela e saboreio aqueles melões docinhos e rosados. Eu sugava, mordiscava, mamava cada pedaço de teta que eu via pela frente. Estava faminto por aquela gostosa, rapidamente desci puxei a parte de baixo de seu biquíni e já bebia o melzinho escorrido da xoxotinha. Lambia com um cão faminto, estava com tanto tesão que mal raciocinava, eu só queria aproveitar daquela carne quente. A esta altura ela gemia muito alto, sem se importar com nada, me apertava de um lado para o outro. Eu suguei cada pedaço daquela xota como um esfomeado. Esfomeado por aquela buceta rosadinha de amanda. Não tarda muito ela goza a minha cara e eu me lambuzo todinho com seu sulco de fêmea.

Novamente, abaixo minha bermuda, encaixo meu caralho dentro dela e começo a enterrada, enfiando minha língua dentro dela, minhas mão a acariciavam, riscavam, apertavam, sufocavam seus gemidos, e eu tomado pelo demônio do sexo a tomava como putinha. Fala putarias em seu ouvido, mordia com força seus mamilos, estapeava sua cara. Que adorava me ver macho excitado currando ela como um animal. Sem qualquer pudor.

Ela manhosa, gritava já, eu bombando cada vez mais forte, cada vez mais vadio, xingava ela de puta para baixo. Definitivamente, a fazendo escrava sexual de um homem de verdade. Ela implorava para fodê-la cada mais forte, com mais volúpia. E eu tão fora de mim, virei ela de bruços, fiz ela arrebitar aquele bundão branco e eu espalmava tanto aquela bunda até ficar vermelha. Montei nela, encaixei o meu cacete, com a mão esquerda segurei seus cabelos e dava fortes trancos, enquanto com a mão direita enrolada em sua anca, puxo-a para perto sem dar a chance de seu corpo fugir das fortes bombada que eu estou dando em sua buceta.

Ela gritava falando eu ia matar ela de tanto meter, e cada vez mais que ela gritava, eu bombava com mais força como um bom amante. Até que encho sua xana como meu leite espesso de macho. Ela geme ao mesmo tempo e fraqueza ao sentir meu pau jorrando porra dentro acaba gozando junto comigo. Suados e exaustos, caímos na tolha exaustos, ainda em êxtase, eu fico sarrado aquela bunda grande, no tempo que o sol nasce e banha nossas pele nuas. Nos trocamos e voltamos para a casa, ao mesmo tempo que as primeiras pessoas começam a chegar na praia...


Este conto recebeu 6 estrelas.
Incentive Domadordecus a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.

Online porn video at mobile phone


contos eroticos cm o tatuadorcontos eróticos salvando as aparênciasContos eroticos de podolatria com fotos desejando chupar os pes de primas novinhasfilho. mostra. o pau. pra. na. meza. de. jantar. porno. xvideowww xvideo prostituta ceda mal com fregues pausudosanba porno que espetaculo de vizinha queredo pau vou fude mais elamae gostosa malanhao a buceta deixando filho de pau duroprimeiro menage femininocontoerotico eu,namorada, minha mae e tio jorgexvideos cangáceiras eroticascontos eróticos gay ESCRAVO DO MACONHEIROmeu primo e eu na resistiu e comeu o bucetao da minha tia contowww.relato mulher deu cu pro cachorro e ficou emgatada.com.brgozei minha mãe é adotada saia tio transamos noite toda voz diasXVídeos Botei sonífero na bebida da minha mãe e transei com ela dormindopornomenina bofinho pegando uma morena gostosacontos eiroticos leilapornxvideo pai italiano comendo o cuzinho da sua filhinha italianinha escondidoxvideo do cunhado pecado a cunhadinha a fosa gozado dretro da boceta delameniina lavano abuctacontospornoeuqueriacontoerotico eu,namorada, minha mae e tio jorgexvidio atolo a sobrinhaminha irma fou raspa aproveitei pornque kikada cunhadinha pornoconto gay cacetao tiover video de sexo padrastocome o cu dela ate ela secagarcontos eroticos suruba no exercitocontos picantes de amor gaysvídeos de porno com vovôsinhosPornor sobrinho passando ferias na fazenda da tia viuvaContos eroticos dando banho na garotinhacontos eiroticos leilapornrelato eróticos trote calourosconto erotico gay macho dominador gosta de maltratar viadoconto erotico luciene crentecornos de belem porno contos 2017conto erótico esposa arruma travesti para maridoconto cu entaladoContos de marido fazendo esposa cadela confessar traiçãomulher tcheca dando a buceta pro enteado comerContos mendiga pornocomendo um cu para ir pra copa pornodoidoxvidoe.cm baianas crentis traindo o maridoxvidio mulhe casada. dexa marido dentro priquito brasilerover vidio padrasto da pica muito loga comendo a itiada virger o pau entrou de veis ela desmaioufelidades testi fobeno u cara8Pega abaixa vidio pornocontos eroticos professora casada chantageada por alunoconto porno submissa humilhaçaoconto casada assaltada chora na rola grande e gosaputa tarada na pomba e o macho relinxa d tesaovidio porno crente curioza pra parA pega pica eacaba sendo estrupada ela cota tudoabusada cruelmente por um negro roludo pornoporno irma tremendo no pau ate o fundoassister buzentas xxx vidios brasileiras gostozas a si mastrubar pra gozarDormindo e pai comendoxx.comcarolzinha santosporno caseiro dupla penetraçao ela fica brava porque doeu o cuvídeos pornô de mulheres se masturbando com a embreagem do carrodai e derse de caminas xvideoscasada com o cu desmanteladocontoeroticopirralhoxvideovizinhogayfui pago pra dar o cu pela primeira vez hetero , sexo gay amador.conto eroticos de perigosxvideo menina de meno gosano e tremeno as penaflho fode mae e pai enrraba o filhorecencasada quando marido vai pro servisso ela deu pro novinhoxisvido tia sobria dorminocontos de mulheres que virao cenas de casais transando e se masturbarao xvideos cazero.chuponas. coroa. sebosaesposa vadia de shortinho curtinho batendo punheta p outro ba frente do cornomama no caralho quando conduzo video pornocontos eiroticos leilapornCONTO CHEIRANDO CALCIxvideos novinha dormindo com irmao comessa provocalo ate ser fodidabeijo safados com mulheres de poposoes e homem de cueca de pau duroxxxvideo calsinha no regoSexo com fucionaria buceta apertadinha relatos